Leia também:
X Ladrões roubam carro funerário e abandonam caixão em estrada

Psicóloga morre após contraste em exame, diz família

Caso aconteceu em Goiás

Pleno.News - 23/12/2022 17h47 | atualizado em 23/12/2022 18h26

Bruna Faria Foto: Reprodução/ Instagram

Em Goiânia (GO), uma psicóloga morreu após passar mal ao receber contraste para um exame de ressonância magnética do coração, em uma clínica, segundo contou a mãe dela, Jane Alves. O caso ocorreu na última quarta-feira (21). Bruna Nunes de Faria tinha 27 anos de idade.

Para a família, há suspeita de que a jovem tenha sofrido de um choque anafilático durante o procedimento. As informações são do portal G1.

A morte da psicóloga foi registrada na Polícia Civil e será investigada, de acordo com o delegado Leonardo Sanches. Uma autópsia feita pelo Instituto Médico Legal (IML) identificará a causa do óbito.

Jane Alves disse que sua filha teve, há 45 dias, um Acidente Vascular Cerebral (AVC) e fez o exame na quarta-feira para descobrir a causa.

O velório e o enterro da jovem aconteceram na quinta-feira (22).

Bruna trabalhava como psicóloga da Prefeitura de Silvânia e fazia parte da Equipe Multiprofissional de Atenção Domiciliar (Emad) da Secretaria Municipal de Saúde. Por meio das redes sociais, a prefeitura lamentou o falecimento.

Leia também1 Bombeiros levantam hipótese sobre explosão do Coco Bambu
2 Réu é solto após filhas pedirem ao juiz o pai em casa no Natal
3 Marrone é internado em SP com quadro de esofagite
4 Banco do Brasil abre concurso para 6 mil vagas em todo o país
5 Homem é encontrado morto em pé no interior do Maranhão

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.