Polícia prende milicianos que extorquiam a Petrobras

Operação no Rio de Janeiro terminou com 42 suspeitos detidos

Pleno.News - 04/07/2019 10h50

Milicianos são presos pela Polícia Civil Foto: PCERJ

Nesta quinta-feira (4), uma operação deflagrada pela Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu 42 suspeitos de integrar milícias na Região Metropolitana fluminense. A ação visa desmantelar um esquema de extorsões contra moradores e grandes empresas.

Entre as companhias ameaçadas pelo grupo está o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), da Petrobras. Segundo as investigações do Ministério Público, que auxilia a operação, os criminosos fizeram cobranças à empresa para que essa pudesse realizar obras na região de Itaboraí.

Eles também atuavam ameaçando o serviço de transporte de funcionários. Segundo as autoridades, o grupo chegava a lucrar R$ 500 mil por mês.

LEIA TAMBÉM+ Polícia prende PM suspeito de integrar maior milícia do RJ
+ Deputados recorrem a escolta policial após graves ameaças
+ Procuradoria critica nova versão do decreto de armas


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo