Leia também:
X Procuradores da Lava Jato terão que devolver R$ 2,5 milhões

Polícia prende homem suspeito de estuprar suas seis filhas

Caso aconteceu no Acre

Pleno.News - 10/11/2021 15h59 | atualizado em 10/11/2021 16h49

Polícia prende homem suspeito de estuprar suas seis filhas (imagem ilustrativa) Foto: Pixabay

Um homem de 44 anos foi preso pelo Polícia Civil por ser suspeito de estuprar suas seis filhas, na cidade de Assis Brasil, no Acre. A prisão do agricultor foi divulgada na terça-feira (9) pela polícia.

Os agentes cumpriram mandado de prisão preventiva, que foi expedido pelo juiz Alex Ferreira Oivane, da comarca de Assis Brasil. As informações são do portal UOL.

O homem foi denunciado por uma das filhas, que tem 27 anos. Ela procurou as autoridades para revelar que tinha sido estuprada por vários anos, desde os 13, e suspeitava de que suas irmãs também estariam sofrendo abusos.

Outra irmã, de 21 anos, também contou que foi estuprada pelo próprio pai.

Por conta das denúncias, um inquérito foi aberto.

As outras quatro filhas, que são adolescentes e moravam com o pai e a mãe, disseram à polícia que sofriam abuso sexual. Elas contaram que o homem as ameaçava e, por isso, os estupros não eram revelados à mãe.

Embora o exame de conjunção carnal feito nas quatro adolescentes tenha dado negativo, psicólogos do Poder Judiciário constataram os relatos dos abusos. A mãe e as filhas estão sendo acompanhadas por assistentes sociais e psicólogos.

O suspeito está no presídio Francisco de Oliveira Conde, no Complexo Penitenciário de Rio Branco, onde ficará à disposição da Justiça.

Leia também1 Homem é agredido por vizinhos após estuprar menina de 6 anos
2 Achada desorientada, garota relata estupro após Halloween
3 Lésbicas recusam sexo com trans e são acusadas de transfobia
4 Homem é linchado até a morte após falsa acusação de estupro
5 Damares denuncia o comércio de vídeos de estupro de bebês

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.