Leia também:
X CNN erra nome e chama Chico Rodrigues de Chico Pinheiro

Polícia identifica feirante que morreu atingido por botijão

Vendedor de frutas foi identificado como Pedro de Brito Lima

Paulo Moura - 16/10/2020 11h22

Vendedor de frutas morreu após ser atingido por botijão Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Rio de Janeiro conseguiu identificar quem foi o homem que morreu após ser atingido por um botijão de gás lançado de um prédio em Copacabana, Zona Sul da capital fluminense, na última segunda-feira (12). A vítima em questão é Pedro de Brito Lima, vendedor de frutas conhecido na região como “Tronco”.

Segundo a polícia, a identificação de Pedro só foi possível de ser obtida por meio da análise de digitais, já que nenhum familiar do homem foi encontrado para reconhecer o corpo, que segue no Instituto Médico Legal.

No final da tarde de segunda, o pedreiro Venílson da Silva, de 33 anos, arremessou um botijão pela janela do apartamento onde mora, no 12ª andar, em Copacabana, e acertou o vendedor de frutas que estava na calçada. Pedro Lima foi atingido na cabeça e morreu no local.

Venílson, por sua vez, foi preso em flagrante, pelos agentes da Delegacia de Homicídios da Capital, e indiciado por homicídio doloso, quando há intenção de matar. De acordo com testemunhas, o homem ainda teria arremessado, antes do botijão, outros objetos pela janela, como parte de um fogão e roupas.

Segundo relatos de familiares, o pedreiro sofre de problemas mentais, está em tratamento e já tinha apresentado transtornos psicológicos em outras situações. Além disso, duas pessoas que se apresentaram na delegacia como patrões de Venílson confirmaram a versão da família.

Leia também1 RJ: Pedestre morre atingido por botijão de gás lançado de janela
2 CNN erra nome e chama Chico Rodrigues de Chico Pinheiro
3 Senadores estudam impedir afastamento de Chico Rodrigues
4 Polícia procura 21 criminosos libertados por Marco Aurélio
5 Bolsonaro chama acusação de Moro sobre a PF de "caluniosa"

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.