Leia também:
X Bancada evangélica publica carta de repúdio ao Burger King

Lázaro Barbosa é morto após confronto com policiais na mata

Suspeito estava sendo caçado há 20 dias por centenas de agentes de segurança

Thamirys Andrade - 28/06/2021 10h08 | atualizado em 28/06/2021 10h39

Lázaro Barbosa, de 32 anos, foi morto após confronto com policiais na manhã desta segunda-feira (28). O chamado “serial killer do Distrito Federal” chegou a ser levado até um hospital da região de Águas Lindas, mas não resistiu aos ferimentos.

A notícia sobre sua morte vem após o anúncio do governador de Goiás, Ronaldo Caiado, de que suspeito havia sido capturado. Por meio das redes sociais, Caiado comemorou:

– Ta aí, minha gente, como eu disse, era questão de tempo até que a nossa polícia, a mais preparada do país, capturasse o assassino Lázaro Barbosa. Parabéns para as nossas forças de segurança. Vocês são motivo de muito orgulho para a nossa gente! Goiás não é Disneylândia de bandido.

Nas últimas horas, a força-tarefa de captura a Lázaro montou um cerco em um bairro de Águas Lindas, após moradores relatarem terem visto o suspeito na região por volta das 21h deste domingo (27). Lázaro estava na casa de uma ex-amante, segundo testemunhas. A mulher foi levada para a Delegacia Regional da Polícia Civil.

Lázaro Barbosa estava sendo caçado há 20 dias por centenas de policiais, cães farejadores, câmeras de visão térmica e helicópteros. Ele é acusado de ser o responsável por uma chacina em Ceilândia que tirou a vida de quatro pessoas de uma mesma família, além de ter uma extensa ficha criminal. Durante sua fuga, ele invadiu propriedades rurais, fez reféns, roubou automóveis e alimentos, e aterrorizou a população local.

Leia também1 Após 20 dias de buscas, Lázaro morre em confronto com a polícia
2 Policiais cercam bairro onde Lázaro teria sido visto em Goiás
3 Duas pessoas são presas em GO por facilitar fuga de Lázaro
4 Tia conta que Lázaro ligou para a mãe e disse que não agiu sozinho
5 MS: Homem é espancado ao ser confundido com Lázaro Barbosa

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.