Leia também:
X TCU fará nova etapa de auditoria das urnas no dia da eleição

Petista que matou apoiador de Bolsonaro é liberado pela polícia

Homem se apresentou, negando motivação política para o crime

Monique Mello - 28/09/2022 11h25 | atualizado em 28/09/2022 12h32

Hildor Henker foi morto com uma facada na perna Foto: Reprodução/Redes sociais

O homem de 58 anos que matou Hildor Henker, de 34, com um golpe de canivete em Santa Catarina no último final de semana, se apresentou à Polícia Civil na tarde desta terça-feira (27). Sendo o autor do crime um apoiador do PT e a vítima um apoiador do presidente Jair Bolsonaro (PL), tanto o suspeito quanto seus advogados negam que as motivações tenham sido políticas.

O suspeito, que segue sem o nome revelado, deu uma única facada na perna da vítima, que atingiu a artéria femoral. O golpe foi após uma discussão em um bar no município de Rio do Sul, no Vale do Itajaí (SC), no sábado (24). Hildor Henker foi levado ao hospital, mas não resistiu, indo a óbito no domingo (25).

– [O suspeito] Disse que eram amigos e que estavam bebendo juntos. Teve um desentendimento, foi levado para fora do estabelecimento. Disse que, para se defender, usou o canivete. Pegou na perna, na veia femoral, o que levou à morte da vítima – disse o delegado Juliano Tumitan sobre o depoimento do homem.

Após ser ouvido, o homem de 58 anos foi liberado. Ele não possui antecedentes criminais. A Polícia Civil aguarda imagens das câmeras de segurança e resultados de laudos da perícia do local do crime. O delegado intimou mais duas testemunhas para depor e disse que “tem muita coisa para fazer ainda”.

Um familiar da vítima, que não era casado e não tinha filhos, contou ao portal UOL que ele não tinha desafetos.

– Ele realmente era uma pessoa muito querida por todos. Não tinha inimigos, nunca brigou ou levantou a mão para alguém. Também não tem grau de parentesco nenhum com o acusado – afirmou.

Leia também1 Aluno denuncia comício em faculdade com Fora Bolsonaro
2 Morre Irmão André, fundador da Portas Abertas, aos 94 anos
3 Após ligação misteriosa, jovem é morta a tiros na porta de casa
4 Cachaça está destruindo a mente de Lula, compartilha Michelle
5 Humorista expõe salário baixo que ganhou na Globo

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.