Leia também:
X Web mostra apoio e levanta #FechadoComBolsonaroAte2026

Paraquedista salta um ano após sofrer queda de 120 metros

"Eu posso olhar tudo e dizer que estou de volta", disse Erick Lima

Rafael Ramos - 04/10/2020 15h54

Erick Lima sofreu acidente de paraquedas no ano passado Foto: Reprodução

Um ano após sofrer um acidente durante um salto em que o paraquedas não abriu, o paraquedista Erick Lima voltou a praticar o esporte depois de uma longa recuperação. Erick caiu de uma altura de quase 120 metros e bateu em um fio de alta tensão.

– Fez um barulho da explosão de quando bateu no fio do rompimento da rede elétrica. Nessa hora a gente pensou: “O Erick morreu, ou pela queda ou pelo choque” – disse Tito Ribeiro, que acompanhava o paraquedista na ocasião.

Erick foi socorrido por uma ambulância que passava pela estrada. Ele foi atendido e conduzido de avião para Manaus. O acidente resultou em um fêmur quebrado em sete partes, cinco costelas quebradas, um fissura na coluna cervical e politraumatismo craniano.

Amazonense voltou a saltar com os amigos Foto: Reprodução

O amazonense ficou dez dias em coma e precisou de quatro meses para voltar a andar. No dia 11 de setembro, ele saltou de um avião ao lado dos amigos e do presidente da Confederação Brasileira de Paraquedismo, Breno Melo.

– Sobreviver a essas dores era a consciência constante e inabalável de que eu ia voltar a andar. De que eu ia voltar a voar. Ninguém faz ideia do sacrifício que foi o último ano. Eu posso olhar tudo e dizer que estou aqui, estou de volta – disse Erick.

Leia também1 SBT: Asmática, atriz passa mal ao vivo no Domingo Legal
2 Morre o criador da marca de roupas e perfumes Kenzo
3 Senador Arolde de Oliveira está internado com Covid-19
4 Jornalista Zuza Homem de Mello morre após sofrer um infarto
5 Ex-Menudo Anthony Galindo, o Papi Joe, morre aos 41 anos

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.