Leia também:
X Senadora diz que teve assinatura fraudada em lista da CPI do MEC

Pais protestam contra professor que hostilizou aluno em escola

Cerca de 149 famílias assinaram documento direcionado ao diretor da instituição

Monique Mello - 08/04/2022 11h53 | atualizado em 08/04/2022 13h55

Escola Avenues, em São Paulo Foto: Divulgação/Avenues

Famílias de alunos da escola Avenues, em São Paulo, reuniram-se em um abaixo-assinado contra o professor que hostilizou um aluno durante uma palestra. O documento foi assinado por 149 famílias e direcionado ao diretor da escola Avenues, o norte-americano Andy Williams.

Vittorio Furlan Vieira, de 18 anos, questionou algumas falas da líder indígena Sonia Guajajara, que estava palestrando na instituição. O aluno emitiu sua opinião no momento aberto para perguntas. Sônia criticou o agronegócio e o governo no que tange a ocupação de terras e uso de agrotóxicos. Vittorio, cuja família é ligada à agropecuária, contestou a indígena.

– Quando você se referiu à democratização das terras, eu acho que você se equivocou. Democracia é um modelo de governo. Você tirar o que é de alguém não é. Desculpe eu te falar isso. Isso é roubo de propriedade privada. Por favor, melhore – disse o aluno, ao que foi rebatido pelo professor Messias Basques.

– Deixa eu te dizer uma coisa, meu querido. Quando você entender o que é ser uma pessoa desse tamanho, você vai se lembrar desse dia com muita vergonha – afirmou o professor, além de se autointitular um especialista por Havard, embora não tenha o diploma da instituição.

Os pais dos alunos da escola de elite pedem por ações da Avenues para evitar que episódios como esse se repitam. Também solicitam que os valores da escola “welcome, safety and respect” (acolhimento, segurança e respeito) sejam assegurados.

Com unidades em Nova Iorque (EUA) e Shenzhen (China), a Avenues chegou em São Paulo em 2018, no Real Parque, um bairro nobre da cidade. De acordo com o site da instituição, a anuidade é de R$ 172.400. Os pais precisam realizar um depósito inicial anual de R$ 25.000. O valor restante é dividido em parcelas mensais, que ficam em torno de R$ 12 mil.

Leia também1 Profª é presa por ensinar receita com maconha na air fryer
2 Aluno hostilizado por professor se pronuncia: "Doutrinação"
3 Professor que constrangeu aluno não tem diploma de Harvard
4 Deputados acionam a Justiça contra professor da Avenues
5 Bolsonaro afirma que Lula fala "abobrinhas" sobre classe média

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.