Leia também:
X Funai: Governo nomeia coronel do Exército para diretoria

Pai do psiquiatra Italo Marsili é morto a tiros no Rio de Janeiro

Cirurgião plástico Claudio Marsili morreu após ser atingido ao chegar para trabalhar em clínica na capital fluminense

Paulo Moura - 19/10/2021 11h12 | atualizado em 19/10/2021 15h35

Claudio Marsili morreu após ser atingido por tiros Foto: Reprodução/Instagram Claudio Marsili

O cirurgião plástico Claudio Marsili, de 64 anos, foi morto no início da manhã desta terça-feira (19) após ser baleado na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, ao chegar para trabalhar na Clínica Vitée, da qual era sócio. Cláudio é pai de Italo Marsili, psiquiatra que chegou a ter o nome cotado para comandar o Ministério da Saúde.

A suspeita inicial é de que o médico tenha sido vítima de um latrocínio, que é o roubo seguido de morte. Segundo a PM, Claudio tinha acabado de estacionar sua picape Toyota Hilux na Rua Fernando Mattos. Testemunhas dizem que criminosos saíram de um veículo e o renderam. Claudio teria sido baleado mesmo após ter entregado a picape aos ladrões.

O Conselho Regional de Medicina do Rio (Cremerj) emitiu uma nota de pesar e lamentou a morte de Marsili “por um motivo tão cruel”. O órgão lembrou que, na véspera do crime, foi celebrado o Dia do Médico e lamentou o fato de a capital fluminense sofrer com a violência.

– Pedimos às autoridades que assegurem o nosso direito de ir e vir e que os responsáveis sejam devidamente punidos. O Cremerj se solidariza com familiares, amigos e colegas de trabalho neste momento de dor – declarou.

Claudio Marsili se formou pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) em 1982 e fez pós-graduação em cirurgia-geral pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). O médico também fez pós em cirurgia plástica estética e reparadora pela Estácio de Sá e em medicina ortomolecular e desportiva pela Universidade Veiga de Almeida (UVA).

Em seu site, o médico afirmava que tinha a “cirurgia plástica como propósito de vida para melhorar a autoestima da mulher com segurança e confiabilidade”.

Leia também1 Prefeito é afastado em operação contra irregularidades na saúde
2 Disputa se acirra, e Doria e Leite buscam apoio até fora do PSDB
3 Músico que relatou queda de MC Kevin sequer estava no Brasil
4 PSOL aciona STF contra entrada de militares dos EUA no Brasil
5 Globo "apela" para o Corinthians para conter ibope da F1 na Band

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.