Leia também:
X Otoni pede que Bolsonaro não confie em generais e extremistas

Pai do menino Henry: “O que eu sei é que meu filho está no céu”

Leniel Borel foi entrevistado por Antonia Fontenelle

Ana Luiza Menezes - 27/03/2021 20h49 | atualizado em 27/03/2021 23h02

Leniel Borel foi entrevistado por Antonia Fontenelle Foto: Reprodução/ Na Lata

O engenheiro Leniel Borel, pai do menino Henry Borel, foi entrevistado por Antonia Fontenelle, e falou sobre as últimas horas que passou com o filho. Ele também revelou detalhes sobre o divórcio e a relação com a ex-mulher, Monique Medeiros.

Para Antonia, Leniel contou como passou a desconfiar que algo grave poderia ter provocado a morte de Henry. Ele deu detalhes dos trâmites para obter laudo do IML a respeito das lesões no corpo da criança.

Questionado, Borel disse ainda que a mãe de seu filho era diretora de uma escola municipal antes de se tornar assessora do Tribunal de Contas do Município.

Segundo o jornal O Globo, “formada em Letras, Monique trabalhava como professora e, desde 2018, como diretora da Escola municipal Ariena Vianna da Silva, em Senador Camará, na Zona Oeste”. No fim de 2020, ela foi cedida pela Prefeitura do Rio ao Tribunal de Contas do Município, onde é assessora de assuntos relacionados à educação. O telejornal RJTV2, da TV Globo, informou que Monique, que recebe mais de R$ 16.500 de salário bruto, seria funcionária fantasma do órgão.

Leniel também explicou que não tem tido muito contato com a ex-esposa após a morte do filho.

Ele disse que é evangélico e espera, um dia, encontrar Henry no céu.

– O que eu sei é que meu filho está no céu. Está lá do lado do pai. O que eu preciso fazer em vida é buscar, você da dificuldade que é a nossa de cada dia, então eu preciso buscar um dia para estar no céu com meu filho. É isso que eu tenho feito, é isso que eu vou fazer, eu acredito que um dia eu vou estar com ele de novo, aquele anjo maravilhoso – declarou.

Henry morreu na madrugada do dia 8 de março. Na ocasião, ele estava no apartamento onde morava com a mãe e o padrasto, Jairo Souza Santos, o vereador Dr. Jairinho.O caso é investigado pela Polícia Civil.

Leia também1 Pai de Dr. Jairinho já foi preso em ação da PF contra corrupção
2 Caso Henry: Apartamento é interditado para novas perícias
3 Ex de Dr. Jairinho diz que a filha dela vomitava ao ver o vereador
4 Polícia apreende celulares de mãe, pai e padrasto de Henry
5 Filha de ex de vereador é ouvida sobre suposta agressão

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.