Leia também:
X Eleições: Lula e Dilma têm 1º encontro do ano, em São Paulo

Neta dá novos detalhes sobre a morte da mãe de Delino Marçal

Rayele da Costa disse ao site Metrópoles que o homem teria fugido após invadir a igreja, mas voltou para matar a pastora Odete da Costa

Paulo Moura - 14/01/2022 15h02 | atualizado em 14/01/2022 16h24

Delino Marçal ao lado da mãe, Odete Foto: Arquivo Pessoal

A estudante Rayele da Costa, de 23 anos, neta da pastora Odete Rosalina Machado da Costa, de 79 anos, mãe do cantor Delino Marçal, morta na manhã desta sexta-feira (14), na porta da igreja que ela presidia em Goiânia (GO), deu novos detalhes sobre como o crime aconteceu. Em entrevista ao site Metrópoles, a jovem contou que o homem já havia fugido, mas voltou para matar a idosa.

– Quando ligaram para a gente eram 5h10. Ela estava sozinha com um irmão da igreja. Como a maioria da família mora no mesmo bairro, minha tia chegou correndo, e minha vó estava sentada na calçada. Ela deu o último suspiro no colo da minha tia – relatou.

De acordo com o Metrópoles, Rayele informou que, por volta das 5h desta sexta-feira, o autor do crime arrombou a porta da igreja, quebrou cadeiras e iniciou os ataques. Em seguida, ele fugiu. Logo depois, segundo a neta, a pastora saiu da igreja para pedir ajuda ao vizinho, mas foi vista pelo criminoso, que voltou e a atacou, na calçada, com golpes de ferro da porta do templo religioso.

Rayele ressaltou que a família e os fiéis da igreja estão “arrasados” por causa do “crime brutal”. Conhecida na comunidade por sua generosidade, Odete criou os nove filhos sozinha, de acordo com a neta, que ainda lembrou que a líder religiosa orava todos os dias durante a madrugada e disse que está “inconformada” com o assassinato da avó.

– Minha vozinha orava todo dia e entrava na campanha de madrugada. Era uma mulher simples, forte, guerreira e batalhadora. Ela deu o melhor de tudo para todos, criou sozinha os filhos e trabalhou a vida inteira – completou.

O CASO
A pastora Odete Rosalina da Costa, de 79 anos, mãe do cantor Delino Marçal, foi morta com golpes, executados com um objeto de metal, na frente de uma igreja em Goiânia, na manhã desta sexta-feira (14). De acordo com a Polícia Civil de Goiás, o autor do crime foi preso.

Segundo a Polícia Civil, Odete foi morta por um homem de 22 anos que teria se envolvido em uma briga com uma pessoa dentro da igreja Assembleia de Deus Ministério Primogênito, na região Noroeste de Goiânia. Na ocasião, de acordo com a corporação, o homem teria acertado a pastora com vários golpes, executados com um objeto de metal.

Ainda de acordo com a Polícia Civil goiana, após praticar o crime, o homem fugiu do local e começou a jogar pedras em ônibus que passavam pela região. Depois de ser acionada, a Polícia Militar foi ao local e realizou a prisão em flagrante do autor do crime, que foi encaminhado para a Central Geral de Flagrantes de Goiânia.

Além de Delino, Odete teve outros oito filhos. O cantor gospel foi vencedor do Grammy Latino em 2019, na categoria de Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa, com o CD Guarda Meu Coração. Cantor de Deus é Deus, Delino também é autor da música , famosa na voz de Midian Lima.

Leia também1 Velório e sepultamento da mãe de Delino Marçal serão em Goiás
2 Autor do assassinato da mãe de Delino Marçal é preso em Goiás
3 Luto: Delino Marçal se manifesta após assassinato da mãe
4 Esposa de Delino Marçal lamenta assassinato da sogra em igreja
5 Homem que matou mãe de Delino Marçal andou nu pela rua

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.