Leia também:
X PGR denuncia cacique Tserere Xavante por “incitar” atos

Mulher tenta socorrer bebê e morre em acidente de carro

Vítima teria saído de casa para comprar alface quando encontrou com uma amiga pedindo socorro

Priscilla Brito - 23/05/2023 14h02 | atualizado em 23/05/2023 14h41

Adriana Lourenço ,de 41 anos
Carro em que Adriana Lourenço estava Foto: TV Globo/Band

Uma mulher, que tentava ajudar no socorro de uma bebê que estava convulsionando, morreu após sofrer um grave acidente de carro. O caso aconteceu na Estrada da Água Branca, Realengo, Zona Oeste do Rio de Janeiro, no último domingo (21).

De acordo com a TV Globo, por volta das 11h, a vítima identificada como Adriana Lourenço, de 41 anos, saiu de casa para comprar alface para o almoço. Segundo informações divulgadas pela Band, no caminho, Adriana encontrou com uma amiga aflita que pediu ajuda para socorrer a filha que estava tendo uma convulsão.

Adriana entrou no veículo de cor preta, da amiga Taynara, e juntas seguiram em direção ao Hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo. Ela ficou no banco do carona segurando a criança.

Durante o percurso, Taynara, que não possui carteira de habilitação, dirigia em alta velocidade. Em um dado momento, o automóvel colidiu com um carro vermelho.

– Eles [vítimas do automóvel vermelho] estavam saindo do culto na igreja, que fica na mesma calçada. Entraram no carro e, antes de ligá-lo, foram atingidos pelo carro preto que vinha em alta velocidade e capotou – relatou uma testemunha, parente das vítimas, ao jornal O Dia.

A equipe do Corpo de Bombeiros de Realengo foi acionada por volta de 12h24. Os bombeiros encontraram Adriana presa às ferragens, já sem vida.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), encaminhou Taynara e sua bebê, Eloá, Hospital Municipal Albert Schweitzer; o estado de saúde de ambas é estável.

No carro vermelho estavam dois adultos, uma jovem, uma criança de 5 anos e uma idosa de 77 anos.

Ainda de acordo com a direção do Hospital Municipal Albert Schweitzer, um adulto, a jovem e a criança foram liberados. A idosa precisou passar por uma cirurgia e o condutor necessitou ficar internado em observação, com lesões no pulmão e no rosto.

O ocorrência foi registrada na 34ª Delegacia de Polícia de Bangu.

Leia também1 Bebê morre após se afogar na piscina do trabalho da mãe
2 Idosa tem morte encefálica após procedimento estético no RJ
3 Mais de 66 milhões de brasileiros estão inadimplentes
4 Com gás mais barato, valor do Auxílio Gás será reduzido
5 Filhas de Gugu se declaram a favor da união estável dos pais

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.