Leia também:
X Delegado: Monique teve várias chances de denunciar Jairinho

Mulher é estuprada por casal na frente dos filhos; ato foi filmado

Crianças tentaram impedir agressão da mãe

Gabriela Doria - 20/04/2021 17h05 | atualizado em 20/04/2021 17h47

Casal foi preso em residência na zona rural de São Sebastião, no Distrito Federal Foto: Divulgação/PCDF

Uma mulher de 27 anos foi estuprada por um casal, na madrugada desta segunda-feira (19), em São Sebastião, no Distrito Federal. Segundo as investigações, os filhos da vítima, que ainda são crianças, “acordaram e imploraram para que o autor saísse de cima da mãe”, mas não conseguiram.

O crime foi praticado por um homem de 34 anos, que consumou a violência, e por sua companheira, de 28, que filmou a ação com o celular. De acordo com o delegado Ulysses Luz, que acompanha o caso, o casal e a vítima são colegas de trabalho e haviam ido à casa da mulher para uma reunião casual. Após algumas horas de ingestão de bebidas alcoólicas, a mulher desmaia no chão e o criminoso inicia o estupro.

– Eles trabalhavam no mesmo local e tinham uma certa amizade. Em função disso, reuniram-se na casa da vítima, na madrugada da segunda-feira, e começaram a ingerir bebida alcóolica. Após exagerar, a mulher desmaia, e autor [da ação] começa a estuprá-la – detalhou Luz.

Ainda segundo o delegado, o marido da vítima havia saído para resolver problemas pessoais, mas, ao retornar para casa, encontrou a mulher sendo abusada.

– Quando ele voltou, se surpreendeu com a esposa sendo estuprada. O que mais nos assustou nessa situação é o fato de a mulher desse autor, além de incentivar o seu marido a praticar um crime dessa natureza, ter registrado toda a ação em seu aparelho celular. Quando o marido da vítima chegou em casa, os autores o ameaçaram de morte e fugiram. – relatou.

Os dois infratores fugiram após a chegada do marido da vítima, mas foram presos em flagrante horas depois, em uma residência no interior de uma fazenda, na zona rural de São Sebastião. No celular da companheira do estuprador havia o vídeo do crime. Eles foram indiciados por estupro de vulnerável e podem pegar penas que variam de 8 a 15 anos.

Leia também1 PF prende suspeito de guardar arquivos de pornografia infantil
2 Suspeito de estuprar enteada de 2 anos é espancado por vizinhos
3 Fazendeira é encontrada dentro de cobra píton de sete metros
4 Vizinhos denunciaram mãe de Laura Orlandi por maus-tratos
5 Homem é preso suspeito de estuprar enteada e 3 filhas dela

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.