Leia também:
X Morre Paulo Roberto Costa, primeiro delator da Lava Jato

“Minha irmã falou: ‘Anestesista abusou de você’”, conta vítima

Parturiente que foi estuprada por Giovanni Quintella relatou como recebeu a notícia

Thamirys Andrade - 14/08/2022 12h01 | atualizado em 15/08/2022 13h22

Giovanni Quintella Bezerra Foto: REGINALDO PIMENTA/AGÊNCIA O DIA/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDO

A mulher que foi estuprada pelo anestesista Giovanni Quintella Bezerra, de 31 anos, enquanto dava à luz no Hospital da Mulher, de São João de Meriti (RJ), relatou que foi informada sobre o ocorrido por meio de sua irmã. Em entrevista ao Fantástico, que irá ao ar na Rede Globo neste domingo (14), ela contará como recebeu a notícia.

– Minha irmã falou: “O anestesista abusou de você” – disse.

Giovanni está preso desde o dia 10 de julho. No dia 11, a prisão em flagrante foi convertida em preventiva, durante audiência de custódia na Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica. Atualmente, o médico está detido na Cadeia Pública Pedrolino Werling de Oliveira, também conhecida como Bangu 8, no Complexo de Gericinó, na Zona Oeste do Rio.

Giovanni foi flagrado por um vídeo registrado por um grupo de enfermeiras, que desconfiaram de comportamentos suspeitos e puseram um celular escondido na sala de cirurgia para gravar a atuação do médico. No registro, o anestesista aparece introduzindo o órgão sexual na boca de uma paciente desacordada enquanto ela dava à luz.

No dia 19, o médico foi indiciado pela Polícia Civil por estupro de vulnerável, em caso conduzido pela Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de São João de Meriti. O Ministério Público estadual aceitou o indiciamento e o denunciou à Justiça, que por sua vez o tornou réu. A decisão é do juiz Luís Gustavo Vasques, da 2ª Vara Criminal de São João de Meriti, do Tribunal de Justiça do Rio.

Leia também1 PM que matou Leandro Lo foi a boate e ao motel após o crime
2 Justiça do Rio mantém prisão de filha roubou a própria mãe
3 Após decisão judicial, Guaranho dá entrada em penitenciária
4 Plano do PCC incluía invasão de presídio por 100 homens
5 Morre americano baleado em tiroteio na Zona Norte do Rio

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.