Militar faz tatuagem de cão que atuou em Brumadinho

Soldado Luciano Rangel era o tutor de Barney, que morreu recentemente

Pleno.News - 15/05/2019 14h58

Soldado tatuou o rosto do cão Barney Foto: Arquivo pessoal

O soldado Luciano Rangel, tutor do cão-bombeiro Barney, fez uma tatuagem para homenagear o companheiro canino. Barney ajudou nas buscas em Brumadinho e morreu recentemente durante um salvamento no Rio Urussanga, em Içara, no sul de Santa Catarina.

– Quando o coração transborda, ele transparece na pele. Primeira sessão em homenagem ao meu parceiro, definitivamente marcado para sempre em minha vida. Meu Barney! – escreveu Rangel nas redes sociais.

O desenho foi feito nesta terça-feira (14) em Lages, na Serra catarinense,. O tatuador Jean Grassi entrou em contato com Rangel depois de saber da morte do cão por meio de um amigo, que também é bombeiro. Mesmo antes do acidente, Rangel conta que já pensava em marcar o amigo na pele.

– Só que faltava tempo, faltava organização para eu fazer. E aqui um tatuador, Jean Grassi, aqui de Lages me procurou, que ele faria para mim a tatuagem sem custos, de forma voluntária, em gratidão aos serviços que eu e o Barney prestamos à comunidade lageana e serrana – relatou ao portal G1.

LEIA TAMBÉM+ Locutor da Rádio Melodia tem "recuperação incrível"
+ Queda de avião em Campo Grande mata médico e esposa
+ Militar que fez esposa e dois filhos de reféns se rende


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo