MG: Debate sobre ‘Escola sem Partido’ termina em confusão

Votação já foi adiada duas vezes e deve seguir nesta quinta-feira

Pleno.News - 10/10/2019 15h10

Sessão que discutiu projeto Escola sem Partido terminou em confusão Foto: CMBH/Karoline Barreto

O que era para ser um debate civilizado, sobre um projeto importante para a educação, acabou terminando em confusão na Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH) nesta quarta-feira (9). Na ocasião, manifestantes de esquerda que assistiam a sessão no auditório da Casa legislativa tiveram que ser retirados do local após muita gritaria e agressões.

A sessão começou durante a tarde e seguiu com discursos dos vereadores que defendiam seus pontos de vista contrários e favoráveis à medida. Durante os debates, a presidente da Casa, vereadora Nely Aquino (PRTB), acatou a orientação da Segurança Institucional e pediu o esvaziamento da galeria do Plenário para garantir o andamento dos trabalhos.

Por conta da decisão, houve resistência dos manifestantes, o que gerou tumulto e muito gritaria, seguranças da Câmara então interviram para preservar a integridade dos demais presentes na galeria.

A votação, que já havia sido iniciada na terça-feira (8) e adiada para quarta, foi alterada mais uma vez e deve acontecer ainda nesta quinta-feira (10).

LEIA TAMBÉM+ Colégio em BH cancela prova que tinha ataque a Bolsonaro
+ Jovem casal de médicos morre meses antes do casamento
+ RJ: Cidade terá a maior roda-gigante da América Latina


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo