Massacre em Suzano relembra tragédia em Columbine. Veja

Nos dois casos, dois atiradores abriram fogo dentro de escola

Pleno.News - 13/03/2019 12h53

O trágico tiroteio dentro da escola de Suzano, Região Metropolitana de São Paulo, nesta quarta-feira (13) fez com que muitos lembrassem do massacre de Columbine. O ataque ocorreu na escola Columbine High School, no Colorado, Estados Unidos, no dia 20 de abril de 1999.

Os dois casos apresentam diversas semelhanças. No entanto, muitas informações ainda não foram confirmadas pela polícia para traçar um real paralelo entre os massacres.

Colégio Columbine High School Foto: Wikimedia

SEMELHANÇAS
Número de atiradores: tanto no caso de Suzano como no de Columbine foram dois atiradores que abriram fogo dentro da escola.

Alunos da escola: em ambos os casos os assassinos eram estudantes do colégio.

Vítimas: entre as vítimas nos dois casos está um funcionário do colégio. Em Columbine, morreu um professor. Em Suzano, uma coordenadora e uma agente de organização escolar faleceram.

Suicídio: nos dois casos, ambos atiradores cometeram suicídio dentro da escola depois de abrir fogo a esmo.

Roupas: nos dois casos, os autores dos massacres estavam com roupas pretas e cobrindo o rosto.

Eric e Dylan, atiradores de Columbine Foto: Wikimedia

DIFERENÇAS
Artefatos explosivos: em Columbine, a dupla usou bombas para afastar os bombeiros, colocou bombas de propano na lanchonete, 99 dispositivos explosivos e carros-bomba.

Motivação: os diários pessoais dos atiradores de Columbine mostraram que eles queriam implementar um grande atentado terrorista, inspirados no Atentado de Oklahoma City, em 1995. Nesse, um carro-bomba fez 168 vítimas e mais de 680 feridos. Outros estudos abordam a superexposição à violência, facilidade de acesso a armas e bullying.

Ainda não se sabem as motivações do caso de Suzano.

*Atualizada às 16h49

LEIA TAMBÉM+ GO: Aluno teria se inspirado em Realengo e Columbine
+ Testemunhas relatam pânico de alunos após tiroteio em SP
+ Número de mortos em tiroteio dentro de escola sobe para 10


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo