Leia também:
X RJ: Detran suspende cobrança de parte da taxa GRT

Manifestantes protestam na sede da Vale, no Rio de Janeiro

Participantes usaram lama e pediram punição dos executivos da companhia

Ana Luiza Menezes - 28/01/2019 21h48

Manifestantes fazem ato em frente à sede da Vale, no Rio de Janeiro Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Nesta segunda-feira (28), manifestantes ocuparam a frente da sede da Vale, no Rio de Janeiro. Usando lama, eles fizeram encenações e também escreveram a frase Barragem Nunca Mais em uma área da propriedade.

Segundo a colunista Berenice Seara, do jornal Extra, a convocação para o protesto aconteceu nas redes sociais. As escadas da entrada do edifício ficaram com lama e cartazes.

Frases afirmavam que o rompimento da barragem em Brumadinho, Minas Gerais, não se trata de uma tragédia, mas de um crime que poderia ter sido evitado. Os participantes também pediram que os executivos da empresa sejam responsabilizados pelo caso.

A Guarda Municipal e a Polícia Militar chegaram a enviar agentes para acompanhar a movimentação, que causou a interdição de uma parte da Praia de Botafogo, na Zona Sul, ao lado do prédio da Fundação Getúlio Vargas.

Parte do protesto Foto: Reprodução

Leia também1 Brumadinho: Número de mortos na tragédia vai a 65
2 MG: Vale irá doar R$ 100 mil para famílias de vítimas
3 Luisa Mell vai a Brumadinho e se desespera com descaso

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.