Líder do PSL de Belford Roxo sofre atentado a tiros

Júnior Cruz é pré-candidato à prefeitura do município

Pleno.News - 02/12/2019 14h39

Carro ficou com marcas de tiros Foto: Reprodução

Neste domingo (1º), o presidente do PSL de Belford Roxo (RJ), Júnior Cruz, sofreu um atentado a tiros quando passava pela Avenida Brasil, na altura do bairro de Acari. Ele estava junto com a esposa e um amigo no carro. Todos os três são policiais militares.

Segundo Cruz, que é candidato à prefeitura de Belford Roxo, o seu carro foi fechado por um Chevrolet Onix prata. Três homens saíram atirando do veículo.

– Eles fecharam a gente e desceram do carro em que estavam, um com fuzil e os outros dois com pistolas. Na hora que saíram, minha esposa se ligou e começou a atirar. O pau quebrou, com muitos tiros – disse o pré-candidato.

De acordo com o líder do PSL, que também é assessor do deputado estadual Anderson Moraes (PSL-RJ), os homens fugiram logo depois dos disparos. Ninguém ficou ferido.

– A parte externa do carro está toda furada e há vários estilhaços de projéteis dentro dele. Juntando os tiros dados de dentro e de fora do veículo, devem ter sido disparadas umas 30 balas – informou Júnior Cruz.

 

LEIA TAMBÉM+ Bolsonaro diz que pretende aumentar isenções do IRPF
+ Por taxação do aço, Bolsonaro diz que deve ligar para Trump
+ "Com Moro de vice, Bolsonaro ganha no 1° turno", diz Ramos


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo