Leia também:
X Câmara aprova projeto que eleva pena mínima para feminicídio

Laudo diz que MC Kevin morreu por traumatismo craniano

Documento apontou ainda que artista sofreu hemorragia no espaço entre o cérebro e o tecido que cobre o cérebro

Pleno.News - 18/05/2021 21h14 | atualizado em 19/05/2021 10h39

Dados presentes no laudo do exame de necrópsia de Mc Kevin apontam que o artista morreu devido a um traumatismo craniano. O documento é assinado pelo legista Leonardo Huber Tauil e ressalta que houve uma hemorragia subaracnóidea, um sangramento no espaço entre o cérebro e o tecido que o envolve.

MC Kevin morreu neste domingo (16), após cair da sacada de uma suíte localizada no quinto andar do hotel Riale Brisa Barra, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

O laudo aponta que lesões foram causadas por uma “ação contundente”, devido ao choque sofrido pelo corpo do artista com a queda, contusões pulmonares bilaterais e fraturas na região da costela.

INVESTIGAÇÃO
A morte de MC Kevin está sob investigação da 16ª Delegacia de Polícia do Rio, na Barra da Tijuca. Duas teorias estão sendo apuradas pelas autoridades. Uma delas é de que o cantor teria ingerido bebida alcoólica antes de tentar pular da varanda, em direção à piscina do hotel, o que representa uma queda de aproximadamente 18 metros. A outra teoria é de que o artista havia tentado saltar da sacada para o apartamento abaixo, a fim de evitar ser flagrado, por sua esposa, com outra mulher no quarto, a modelo Bianca Dominguez, de 26 anos, que disse ter mantido relacionamento sexual com Kevin pouco antes do acidente.

Leia também1 Viúva diz que MC Kevin morreu por conta de "amizades erradas"
2 Corpo do cantor MC Kevin é sepultado em cemitério em SP
3 Yudi faz oração comovente no velório de MC Kevin
4 Modelo diz que teve relações sexuais com Kevin na varanda
5 Polícia apreende celulares de amigos e viúva de MC Kevin

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.