Jovem comete suicídio um dia após casar sem o noivo

Alinne Araújo recebeu críticas de que estava tentando se promover

Pleno.News - 15/07/2019 20h36

Terminou de forma trágica a triste história da youtuber Alinne Araújo. Neste domingo (14), a jovem se casou sozinha após dizer que foi abandonada pelo noivo um dia antes da cerimônia. Nesta segunda-feira (15), a jovem cometeu suicídio ao se jogar do nono andar do prédio em que morava no Rio de Janeiro.

A história de Alinne se espalhou quando ela publicou, em suas redes sociais, que iria se casar consigo mesma porque o noivo, Orlando Costa, teria desistido do casamento no sábado (13). A jovem ainda disse que ele terminou o relacionamento por mensagem de texto.

Alinne Araújo sofria de ansiedade e de depressão e escreveu, ao anunciar sua decisão de casar, que foi pega de surpresa.

– Vocês sabem a dor de confiar em alguém cegamente e achar que encontrou o companheiro da vida um dia antes da celebração do amor de vocês [e de repente] a pessoa some?. Manda uma mensagem pelo WhatsApp e termina todos os sonhos de vocês. Fui pega de surpresa, quis morrer. Ele sempre soube da minha condição e não se importou em como eu estaria – escreveu.

A jovem contou que tentou se matar quando recebeu a notícia, mas que foi salva por Deus.

– Eu recebi a notícia estava dirigindo, tive uma crise no volante, larguei meu carro e me atirei numa via expressa, mas Papai do Céu é bom e me salvou mais uma vez – continuou.

Então a youtuber anunciou que iria casar com ela própria e começar uma nova vida.

– Poderia ficar aqui chorando, mas tem uma festa linda me esperando, então hoje caso comigo mesmo em nome da minha vida nova. Me desejem sorte. Amo vocês – concluiu.

Alinne Araújo Foto: Reprodução

Alinne então compartilhou vídeos e fotos de seu casamento no Instagram. Sua decisão, no entanto, gerou diversas críticas nas redes sociais. Algumas pessoas a acusaram de estar tentando se promover com o casamento. Amigos do noivo também chegaram a dizer que o relacionamento com a jovem havia terminado há uns dois meses, mas ela decidiu seguir adiante com o casamento.

Em seu Instagram, Alinne rebateu as críticas.

– Não sei de onde tiraram que estou querendo fazer marketing e me promover. Quisera eu, porque não desejo ao meu pior inimigo a dor que estou sofrendo (…) Eu não precisava de mídia ou marketing, nada disso (…) Só posso ser o que posso ser. É ‘legalzão’ fazer marketing sobre uma noiva que foi abandonada no altar – afirmou em seus Stories.

Ao jornal O Dia, Saionara Araújo, a tia da jovem, disse que ela estava em casa com a mãe e com a empregada no momento. Ela contou ainda que a empregada tentou puxar Alinne de volta, mas não conseguiu.

No Brasil, a Organização Mundial da Saúde considerou o suicídio como um grave problema de saúde pública. Pesquisa levantada pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) mostrou que o índice de mortes aumentou em 24% entre os adolescentes que vivem nas grandes cidades brasileiras.

O Centro de Valorização da Vida (CVV) é uma das instituições que dão apoio emocional e trabalham para prevenir o suicídio. Para pedir ajuda, ligue para o número 188 ou acesse o site do CVV.

*Atualizada às 21h45

LEIA TAMBÉM+ Mãe de jovem que se suicidou desabafa: 'Falou que ia fazer'
+ Esposa de Thiago Silva critica jovem que cometeu suicídio
+ Noiva Alinne: O ódio virtual como gatilho para o suicídio
+ Ex-noivo de jovem que se matou diz que está acabado


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo