Leia também:
X Marco Aurélio diz que Câmara “tem que tocar” impeachment

Jairinho terá salário de vereador suspenso e pode perder mandato

A "manutenção das vantagens" será mantida apenas pelos próximos 30 dias

Monique Mello - 08/04/2021 11h59 | atualizado em 08/04/2021 12h13

Jairinho é preso no Rio de Janeiro pela morte do menino Henry Borel Foto: Reprodução/TV Globo

A Câmara do Rio de Janeiro anunciou, nesta quinta-feira (8), que vai se reunir para debater a situação do vereador Doutor Jairinho. Ele foi preso na manhã desta quinta-feira, acusado da morte do menino Henry Borel. Muitos dos colegas já defendem a sua cassação.

O vereador ainda terá o direito de manter seu gabinete com salário e assessores remunerados pelos próximos 30 dias. A previsão de manutenção das vantagens é prevista no Regimento Interno da Câmara do Rio. No entanto, por ter sido preso, ele terá o salário suspenso e será formalmente afastado a partir do trigésimo dia. Embora ainda não exista uma representação contra ele no Conselho de Ética, a casa legislativa presidida por Carlo Caiado (DEM), avisa que será “dada toda celeridade que o caso exige”.

Nota oficial da Casa:
A Câmara Municipal do Rio de Janeiro, atenta à gravidade da prisão do Vereador Dr. Jairinho e, como já declarado, consternada com a morte do menino Henry, se reunirá hoje para debater a situação do parlamentar, com a responsabilidade que o caso exige. Embora inexista até o momento representação formulada no Conselho de Ética, será dada toda celeridade que o caso exige. Em razão da prisão, o vereador tem sua remuneração imediatamente suspensa e fica formalmente afastado do mandato a partir do trigésimo primeiro dia, na forma do art. 14 do Regimento Interno.

Leia também1 Internautas comparam caso Henry ao de Isabela Nardoni
2 Dr. Jairinho recorreu a executivo para que Henry não fosse ao IML
3 Pai de Henry: "Como pode uma mãe apoiar um negócio desses?"
4 "Meu filhinho deve ter sofrido muito", diz pai do menino Henry
5 Partido Solidariedade afasta Dr. Jairinho após prisão do vereador

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.