Leia também:
X Jovem que deu à luz tem alta negada por não ter registro civil

Jairinho e Monique devem ser ouvidos em audiência hoje

Juíza do processo deve definir, após a audiência desta quarta-feira, se envia o caso a júri popular

Paulo Moura - 09/02/2022 07h57 | atualizado em 09/02/2022 09h35

Jairinho e Monique durante audiência Foto: Agência O Dia/Estadão Conteúdo/Marcos Porto

Réus no processo sobre a morte do menino Henry Borel, que ocorreu em março do ano passado, a mãe da criança, Monique Medeiros, e o então padrasto do menino, o ex-vereador Jairinho, devem ser ouvidos nesta quarta-feira (9) durante aquela que deve ser a última audiência de instrução e julgamento.

A audiência de instrução e julgamento é o momento do processo no qual são produzidos os elementos probatórios de forma a convencer o julgador se houve determinado crime e qual é a natureza dele. No caso do menino Henry, foram realizadas audiências de instrução e julgamento nos dias 6 de outubro, e 14 e 15 de novembro do ano passado.

Na terça-feira (8), a juíza do caso, Elizabeth Louro, negou um pedido da defesa de Jairinho para adiar a sessão desta quarta. Como justificativa, os advogados do ex-vereador alegavam que o fato de terem sido constituídos recentemente poderia prejudicar o trabalho. A magistrada, porém, considerou que o período entre a entrada dos novos defensores e a data da audiência foi razoável.

Após a audiência de instrução e julgamento a juíza poderá determinar se Jairinho e Monique cometeram algum crime intencional contra a vida e, por isso, devem ir a júri popular, se cometeram outros crimes e devem ser processados em outras instâncias ou se não cometeram crime algum e devem ser absolvidos.

Leia também1 Canadá: Contra vacina obrigatória, grupo fecha principal fronteira com os EUA
2 Jovem que deu à luz tem alta negada por não ter registro civil
3 Henkel: 'É preciso criminalizar o nazismo e o comunismo'
4 Fachin 'deixa' Geddel cumprir pena em liberdade condicional
5 Justiça manda Araraquara indenizar mulher presa em praça por 'descumprir quarentena'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.