Leia também:
X Lady Gaga e OMS promovem mega live neste sábado

Hospital referência contra o câncer vai parar atividades

Decisão da Justiça afastou 400 profissionais da unidade por causa do coronavírus

Rafael Ramos - 18/04/2020 15h57

Hospital de Amor vai suspender atividades Foto: Reprodução

Instituição referência no tratamento do câncer, o Hospital de Amor, localizado no município de Barretos, em São Paulo, vai suspender suas atividades temporariamente a partir da próxima segunda-feira (20). O motivo se deve à decisão da Justiça do Trabalho que afastou todos os profissionais de saúde enquadrados nos grupos de risco do coronavírus.

De acordo com o diretor clínico Paulo de Tarso Oliveira e Castro, o hospital deixa de contar com 400 profissionais e e não realizará procedimentos como sessões de quimioterapia e radioterapia, ressonância magnética, tomografia e ultrassonografia.

A determinação foi favorável ao que o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Ribeirão Preto e Região (Sindees) solicitou em uma ação civil pública. Mas, de acordo com a direção do Hospital de Amor, seria necessário um aumento significativo dos custos operacionais para atender a decisão. Mas tal aumento compromete ainda mais a situação financeira precária da instituição.

– Fomos acionados por uma liminar que ampliou muito o grupo de risco inclusive, prejudicando muito o nosso número de profissionais, cerca de 400 profissionais tiveram que ser afastados. Isso compromete muito a segurança e a qualidade no atendimento dos nossos pacientes com câncer. Estamos avaliando esse impacto, porque também diminuiu pessoas que vão dar assistência nas enfermarias e na UTI. Se for necessário, algumas cirurgias que possam ser postergadas serão postergadas – disse a unidade.

Como forma de ajudar o Hospital de Amor, a dupla sertaneja Fernando e Sorocaba fará uma live neste sábado (18), às 22h15, pelo YouTube. Batizado de Isso é Churrasco Live, os artistas vão arrecadar alimentos, máscaras de proteção, álcool em gel e doações em dinheiro para a unidade médica.

Leia também1 RJ: Hospitais de campanha estão sob suspeita de fraude
2 Uso da hidroxicloroquina no início reduz mortes em 60%
3 Obra de hospital no Maracanã está em ritmo acelerado

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.