Leia também:
X Maia diz que prisão de Baldy foi ‘um pouco arbitrária’

Homem faz ataques racistas a entregador em condomínio

Vídeo das ofensas se espalhou pelas redes sociais e gerou indignação

Henrique Gimenes - 07/08/2020 16h23 | atualizado em 08/08/2020 14h33

Entregador é ofendido por morador de condomínio Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira (7), um vídeo retratando um episódio de preconceito se espalhou pelas redes sociais e causou repulsa e indignação em quem o assistiu. Na gravação, um entregador é discriminado por um morador de um condomínio de casas por causa de sua condição financeira e pela cor de sua pele.

As imagens foram gravadas na cidade de Valinhos, em São Paulo, no dia 31 de julho. No vídeo, o entregador é chamado pelo morador de “lixo”, de “semianalfabeto”. Além disso, o agressor afirmou que o motoboy tinha inveja do condomínio e da cor de sua pele.

Outro ponto que chamou a atenção de usuários de redes sociais, foi o fato de entregador ter mantido a calma ao responder ao morador.

O vídeo foi compartilhado pelo secretário de Cultura, Mario Frias, que pediu punição ao agressor.

– Covarde. Que seja punido no rigor da lei. Ter dinheiro nunca será sinônimo de ter educação. Respeito não escolhe classe ou cor. Quem aposta que agora esse covarde vai dizer que estava sobe efeito de remédios ou outra desculpa qualquer? Canalha – escreveu.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Mario Frias🇧🇷 (@mariofriasoficial) em

Leia também1 Maia diz que prisão de Baldy foi 'um pouco arbitrária'
2 João Doria se solidariza com secretário preso pela Lava Jato
3 Ex-secretário de Witzel, Edmar Santos deixa a prisão
4 Desfile de Sete de Setembro em Brasília é cancelado
5 "Saquei a arma e apontei para a cabeça dele", diz Wajngarten

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.