Homem assume vaga de concurso 26 anos após a prova

Candidato precisou entrar na Justiça para conseguir o cargo

Pleno.News - 18/04/2019 22h16

Homem foi aprovado em concurso estadual da Polícia Civil, em 1993 Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Depois de ter esperado 26 anos, um homem finalmente teve seu nome publicado no Diário Oficial do Espírito Santo, desta quinta-feira (18), para o cargo de investigador da Polícia Civil do estado. Adelino Pereira Galdino foi aprovado em um concurso em 1993, mas teve que entrar na Justiça para conseguir o cargo.

O candidato tinha sido classificado em 635º lugar, mas demorou para ser chamado para assumir a função. Adelino conseguiu a vaga após a Justiça ter reconhecido que ele cumpriu todas as etapas da prova e, por isso, devia ter sido admitido. Caso o governo do estado não atenda a determinação judicial, terá que pagar uma multa de até R$ 30 mil.

Segundo o portal de notícias Gazeta Online, a Secretaria de Estado de Gestão e Recursos Humanos (Seger) informou que a ordem foi acatada pelo governo estadual. Quanto a aposentadoria de Galdino, o órgão não deve considerar os 26 anos e ele deverá se aposentar segundo as regras da legislação vigente.

LEIA TAMBÉM+ Caminhoneiros falam em paralisação no final do mês
+ Ajuda: Bombeiro salva criança que tinha se engasgado
+ Número de Homicídios cai no Brasil em janeiro e fevereiro


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo