Leia também:
X MG: Após reclamar de ‘miserê’, procurador recebeu R$ 76 mil

Gustavo Bebianno se filia ao PSDB e pede impeachment

Ex-ministro fez críticas ao presidente após aproximação com João Doria

Camille Dornelles - 02/12/2019 10h06

Cerimônia de filiação de Gustavo Bebianno Foto: Divulgação/PSDB

O ex-ministro Gustavo Bebianno se filiou ao PSDB neste domingo (1º), após receber uma visita do expoente do partido, João Doria. Bebianno assumiu a presidência do diretório do PSDB no Rio de Janeiro.

Na cerimônia de filiação, Bebianno elogiou o partido e fez críticas ferrenhas ao presidente que ele mesmo ajudou a eleger.

– O momento político que nós atravessamos hoje é grave, gravíssimo, nossa democracia está em risco. Tudo que o presidente quer é um pretexto para a adoção de medidas autoritárias – acusou.

Bebianno chegou a falar em impeachment de Bolsonaro.

– Na minha opinião, (boicote à Folha de S. Paulo) abre uma porta até para um pedido de impeachment do presidente, uma vez que ele afronta a liberdade de imprensa defendida pela Constituição – declarou.

Estiveram presentes o governador de São Paulo, João Doria, e a pré-candidata à prefeitura da cidade do Rio de Janeiro, Mariana Ribas.

Leia também1 Candidata laranja do PSL terá que devolver R$ 380 mil
2 "Bebianno armou e não queria que eu fosse vice", diz príncipe
3 Doria convida ex-ministro Bebianno para integrar PSDB

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.