Leia também:
X Ônibus com corintianos tomba e deixa 14 feridos

Governo do Rio confirma mortes por chikungunya

Secretaria de Saúde do estado já está tomando medidas preventivas

Mayara Macedo - 29/04/2019 12h33

Aedes aegypti é o responsável por transmitir a doença Foto: Pixabay

Nesta segunda-feira (29), o Governo do Estado do Rio de Janeiro confirmou que duas pessoas morreram, vítimas de chikungunya. De acordo com o último levantamento, feito na última quarta-feira (24), já foram registrados 15.998 casos da doença desde janeiro deste ano.

Em 2018, ocorreram 14.768 casos no estado e 18 mortes foram registradas, números 7,7% menores que os do ano atual.

Segundo a Secretaria de Saúde do Estado, ações estão sendo tomadas para evitar a proliferação do Aedes aegypti, transmissor do vírus que causa a chikungunya. Entre elas estão visitas ao municípios com maiores índices da doença, identificação dos criadouros através do uso de drones, distribuição de material informativo, disponibilização de larvicida e conscientização em escolas.

Além disso, 2 mil profissionais de saúde estão sendo treinados para melhorem o atendimento às vitimas não só da chikungunya, mas também da zika e da dengue, que são transmitidas pelo mesmo mosquito.

Leia também1 Ônibus com corintianos tomba e deixa 14 feridos
2 Pescador encontra raríssima lagosta azul em Alagoas
3 Modelo que morreu em desfile será sepultado nesta tarde

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.