Leia também:
X Mãe de criança vacinada contra Covid por erro: “Fico com medo”

Governo de São Paulo autoriza reabertura do comércio

Atividades comerciais estão liberadas a partir deste fim de semana

Pleno.News - 16/04/2021 13h28 | atualizado em 16/04/2021 13h52

Medida faz parte de fase de transição do Plano de São Paulo Foto: Jornal do Comércio/Marco Quintana
O governo de São Paulo anunciou nesta sexta-feira (16) a abertura do comércio a partir deste fim de semana, numa flexibilização das medidas para o controle da transmissão do coronavírus, em uma nova fase de transição do Plano SP, entre a vermelha e a laranja. As lojas poderão abrir em horários reduzidos, e os cultos religiosos presenciais estão permitidos. O funcionamento de bares e restaurantes continua suspenso até o próximo dia 24, quando será autorizado o retorno das atividades, assim como para salões de beleza e academias.

A fase vermelha até então não permitia nenhuma abertura de comércio. Ela só se daria na fase laranja. O argumento do governo é o de que houve melhora nos números da pandemia nas últimas semanas, com taxas de ocupação dos leitos de UTI em 85,3% na Grande São Paulo e 83,3% no estado, que já estiveram em mais de 90%. Esses são índices disponíveis no site da Secretaria de Saúde, os mais atualizados ainda serão divulgados nesta sexta-feira. Nas enfermarias, a taxa de ocupação estadual é de 66,7%.

O estado de São Paulo registra também até agora 86.535 mortes e 2.704.098 casos confirmados pela Covid-19. Há ainda cerca de mil mortes por dia, o dobro do que havia em meados de março, mas menos do que no início de abril.

O governo paulista não apresenta hoje nenhuma mudança na área da educação, que foi liberada a voltar às aulas presenciais, com 35% dos alunos por dia, na semana passada. A rede estadual reabriu na quarta-feira (14), e a maioria das escolas da rede particular reabrirá já na segunda-feira (12). Alguns colégios de elite preferiram continuar fechados, mas devem informar novas medidas após os anúncios do governo nesta sexta.

*Estadão

Leia também1 Covid: Saúde considera incluir todas as gestantes em vacinação
2 46 pessoas recebem vacina da Covid no lugar de dose da gripe
3 Vacinados contra a covid-19 no Brasil chegam a 25,4 milhões
4 Imunizados devem precisar de 3ª dose da vacina, diz Pfizer
5 Mãe de criança vacinada contra Covid por erro: "Fico com medo"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.