Leia também:
X Carlos Bolsonaro ironiza foto de Lula: ‘Aglomeração do bem’

Governo autoriza uso da Força Nacional em terra Yanomami

Local é palco, há cerca de um mês, de uma série de conflitos armados entre garimpeiros e povos indígenas

Paulo Moura - 14/06/2021 09h58 | atualizado em 14/06/2021 10h21

Área Yanomami vai receber apoio da Força Nacional Foto: Associação Yanomami

O Ministério da Justiça e Segurança Pública autorizou a utilização da Força Nacional de Segurança Pública em apoio à Terra Indígena Yanomami, em Alto Alegre, Norte de Roraima, maior reserva indígena em extensão territorial do Brasil. O local é palco, desde o dia 10 de maio, de uma série de conflitos armados entre garimpeiros e povos indígenas.

A portaria, publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta segunda-feira (14), foi assinada pelo ministro Anderson Torres e tem validade de 90 dias, prazo que pode ser prorrogado. No fim do mês passado, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou o governo tomasse medidas para proteger a Terra Yanomami.

De acordo com o documento publicado nesta segunda, o apoio da Força Nacional focará nas “atividades e nos serviços imprescindíveis à preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio, em caráter episódico e planejado”.

A Terra Indígena Yanomami é alvo do garimpo ilegal de ouro desde a década de 80. A comunidade indígena, de nome Palimiú, está localizada na Terra Yanomami, às margens do Rio Uraricoera, e faz parte da rota usada por garimpeiros para chegar aos acampamentos que ficam no meio da floresta.

O Conselho Distrital de Saúde Indígena (CONDISI) e a Hutukara Associação Yanomami afirmam que os conflitos do dia 10 de maio são motivados por uma espécie de barreira sanitária que os indígenas montaram para evitar a contaminação por Covid-19 e o avanço do garimpo ilegal na Terra Yanomami.

Leia também1 SBT veicula trecho da Bíblia que diz para não criticar o governo
2 Imóveis entram na investigação fiscal de artistas da Globo
3 Guedes confirma que governo prorrogará auxílio por 3 meses
4 Carlos Bolsonaro ironiza foto de Lula: 'Aglomeração do bem'
5 Desafiador, Netanyahu promete voltar logo ao poder em Israel

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.