Leia também:
X Bailes funk no Rio reúnem aglomeração e criminosos

Gabriel Monteiro explica vídeo com feministas que viralizou

Youtuber publicou trecho cortado da gravação e rebateu insinuações feitas contra ele

Henrique Gimenes - 20/07/2020 16h09 | atualizado em 20/07/2020 17h01

Trecho de vídeo de Gabriel Monteiro que viralizou Foto: Reprodução

Nesta segunda-feira (20), um vídeo do youtuber e policial militar Gabriel Monteiro se tornou um dos assuntos mais comentados nas redes sociais. Em um trecho da gravação, ele aparece ao lado de três jovens e é questionado sobre ser ou não gay.

A polêmica começou porque, no vídeo, uma das jovens o desafia a provar que não é gay. O youtuber então dá um beijo na bochecha e depois outro beijo na testa da garota. As cenas levaram usuários de redes sociais a fazerem insinuações sobre Gabriel Monteiro.

Com isso, o policial militar publicou um trecho não exibido do vídeo para rebater qualquer acusação. De acordo com Gabriel, o diretor decidiu cortar essa parte específica para que ele não fosse acusado de “assediador”.

– Bom, nunca quis falar de minha privacidade. Quando a amiga da feminista perguntou se eu era gay, sabendo que ela já queria ficar comigo, eu a beijei. O diretor mandou cortar e voltar a pergunta. Se eu deixasse essa p**** assim, falariam que eu fui assediador. Mas foi muito consensual – explicou.

Leia também1 Mãe denuncia filho de 19 anos por estupro da irmã de 8
2 Multidão se ajoelha e pede a Deus que abençoe o Brasil
3 Jovem conservador faz vídeo desmascarando Felipe Neto
4 Venezuelano 'detona' Felipe Neto: "Respeite, seu moleque"
5 Fontenelle agradece apoio após nova ação de Felipe Neto

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.