Leia também:
X Bolsonaro diz que não irá tomar vacina: “É um direito meu!”

Flordelis teria jogado celular de Anderson da Ponte Rio-Niterói

Declaração foi dada em depoimento por um dos filhos adotivos da deputada

Pleno.News - 27/11/2020 19h40 | atualizado em 27/11/2020 21h59

Deputada Flordelis Foto: Claudio Andrade/Câmara dos Deputados Fonte: Agência Câmara de Notícias

Em depoimento no Fórum de Niterói, Região Metropolitana do Rio de Janeiro, um dos filhos adotivos da deputada federal Flordelis (PSD-RJ), Wagner Pimenta, conhecido como Misael, disse, nesta sexta-feira (27), que a mãe deus ordens para que o aparelho celular do pastor Anderson do Carmo fosse quebrado e lançado ao mar.

Misael contou que, após o crime, esteve na casa de Flordelis e leu, em um caderno, a frase “ainda bem que quebramos o celular do Niel [apelido de Anderson] e jogamos da Ponte Rio-Niterói”. De acordo com ele, a deputada teria escrito a frase porque na época a casa já estava com escutas.

Ainda em depoimento, Misael também contou que Flordelis realizava “rituais espirituais” na casa da família e que a deputada dizia ser um anjo.

– Aconteciam experiências espirituais. Comigo, ela pediu para fechar os olhos e começou a elaborar algumas imagens, para imaginarmos pastos verdejantes, coisas do tipo. E falou naquele momento: ‘a partir de hoje você é meu filho e se chama Misael’ (…) Ela falava que era um anjo enviado por Deus. Ela é líder espiritual e que o anjo teria o nome de ‘Quitura’ – relatou.

Leia também1 "Pastor morreria por atrapalhar obra de Deus", dizia Flordelis
2 Flordelis vai à 2ª audiência pela morte do pastor Anderson
3 Anderson do Carmo: Advogado da família diz que foi ameaçado
4 Filho de Flordelis não consegue se reeleger no Rio de Janeiro
5 Flordelis sobre Anderson: 'Nunca será esquecido, querido amor'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.