Leia também:
X Ao STF, Lira rechaça omissão por impeachment: ‘Solução extrema’

Fernando Holiday diz que assessor do PSOL o chamou de “pretinho de m****”

Parlamentar compartilhou vídeo do momento do xingamento, na Câmara Municipal de SP

Monique Mello - 15/10/2021 18h07 | atualizado em 15/10/2021 18h12

Fernando Holiday foi ofendido por assessor psolista Foto: Rede Câmara/Afonso Braga

Durante a votação da reforma da Previdência de São Paulo nesta quarta-feira (13), o vereador Fernando Holiday (Novo) foi ofendido por um assessor do PSOL enquanto discursava em favor da reforma.

Nas redes sociais, o parlamentar divulgou um vídeo no qual aparece um assessor do vereador Toninho Véspoli (PSOL) gritando o que ele alega ser “pretinho de m****”.

– Câmara Municipal enquanto eu discursava a favor da reforma da Previdência um dos sindicalistas me xingou de “pretinho de m****”. Já apresentei o vídeo do xingamento à presidência e exigi a identificação do sujeito. Chega da senzala ideológica. Não vai ficar impune! – escreveu.

No entanto, o vereador psolista afirma que seu assessor disse a palavra “cretino” no lugar de “pretinho”. Na tarde desta sexta-feira (15), a Presidência da Câmara anunciou que irá tratar do caso como “agressão verbal” e “injúria racial”.

O vereador Milton Leite (DEM), presidente da casa, disse que a mudança nas palavras não mudam o fato de se tratar de uma agressão verbal.

– As exatas palavras da ofensa não mudam que a fala é uma clara agressão ao vereador Holiday, feita por um funcionário que ganha dinheiro público para trabalhar pelo povo. Se houve ofensa racial é pior ainda. Não admitiremos nada disso aqui nesta casa – disse Leite.

Holiday declarou que fará um boletim de ocorrência e, na escala administrativa, deve pedir a cassação de Véspoli por uso indevido dos seus funcionários, independentemente de ter ou não ocorrido racismo.

O processo será instaurado pela Secretaria Geral Administrativa da Câmara, que terá trinta dias para concluir os procedimentos.

Leia também1 Tabata vai processar Camargo: "Mimada quer me enquadrar"
2 Diretor da Palmares critica a imprensa por criar "narrativas"
3 Cineasta que chamou Bolsonaro de fascista poderá estar no Oscar 2022
4 Após elogio, Neymar curte post que chama Galvão de "falso"
5 Travesti é enterrada como homem e LGBTs se revoltam

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.