CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Witzel presta esclarecimentos sobre acusações na saúde

Em Curitiba, manifestantes queimam bandeira do Brasil

Protesto foi marcado por confusão e depredações

Ana Luiza Menezes - 01/06/2020 23h14 | atualizado em 02/06/2020 00h37

Em Curitiba, manifestantes queimaram a bandeira do Brasil Foto: Geraldo Bubniak/AGBFolhapress

Em Curitiba, Paraná, a noite desta segunda-feira (1º) foi marcada por um protesto contra o racismo, que contou com a presença da Antifa. No Palácio Iguaçu, sede do governo do Paraná, a bandeira do Brasil foi queimada e muros foram pichados.

Os manifestantes seguiram em direção ao Centro e depredaram pontos de ônibus, vidraças de agências bancárias, bem como do Shopping Mueller e do Fórum Cível. A tropa de choque foi acionada entrou em confronto com as pessoas que protestavam no Centro.

O ato foi inspirado nos protestos, que aconteceram nos Estados Unidos, contra a morte de George Floyd, asfixiado por um policial branco. Os participantes foram convocados por meio de redes sociais e já nas ruas eles também entoaram canções contra o presidente Jair Bolsonaro.

Leia também1 Bolsonaro defende classificar Antifa como grupo terrorista
2 Ato em São Paulo tem tumulto e confronto com policiais
3 Bolsonaro critica incoerência da CNN ao abordar atos
4 RJ: Copacabana vira palco de manifestação contra Witzel

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo