Leia também:
X Pernambuco: Candidata decide não votar após morte do marido

Eleitor que quebrou urna a pauladas é solto após audiência

Homem responderá por crime eleitoral

Thamirys Andrade - 02/10/2022 18h43 | atualizado em 02/10/2022 20h02

Caso aconteceu em Goiânia Foto: Reprodução / Youtube

O homem que quebrou uma urna eletrônica a pauladas neste domingo (2), em Goiânia, capital de Goiás, foi solto após passar por audiência de custódia. Ele responderá por crime eleitoral, segundo informações do portal G1.

A Polícia Militar informou que o eleitor deu sinais de que teria problemas psicológicos. O caso aconteceu em um colégio do Setor Vila Boa, por volta das 13h. A urna, que se encontrava na seção 165, foi substituída.

Os mesários disseram à TV Anhanguera que a urna teve a tela e os botões danificados, mas não o cartão de memória onde os votos ficam computados.

Leia também1 Eleitor é preso após quebrar urna eletrônica a pauladas
2 Pernambuco: Candidata decide não votar após morte do marido
3 Amapá: PM prende mulher que fotografou próprio voto na urna
4 Eleitor sofre infarto e morre na fila da votação em São Paulo
5 Quem não votou no primeiro turno pode votar no segundo?

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.