Leia também:
X Violência contra a mulher: Brasil teve 105 mil denúncias em 2020

Doria pede proteção policial de “bolsonaristas loucos”

Em redes sociais, tucano diz sentir-se ameaçado

Monique Mello - 07/03/2021 19h57 | atualizado em 07/03/2021 20h09

Governador João Doria sente-se ameaçado e pede proteção policial Foto: Reprodução

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou neste domingo (7) que solicitou apoio policial após receber ameaças, segundo ele, de defensores do presidente Jair Bolsonaro.

– Bolsonaristas loucos tentam me intimidar com novas ameaças contra mim e minha família. Agora ameaçam minha casa e nossa família. Além de pedir apoio policial e tomar medidas legais, quero registrar meu repúdio a este comportamento. Onde vai parar o Brasil com tanta conflagração – escreveu o tucano em suas redes sociais.

A declaração ocorre um dia depois do governador ter desmentido um vídeo gravado por sua vizinha. A mulher registrou música alta na casa da frente no Jardim Europa, bairro nobre na zona sul da capital paulista, onde disse morar o filho mais velho do tucano, João Doria Neto, o Jhonny.

 

Leia também1 SP: Povo se une na casa do governador e grita: "Fora Doria"
2 Membros do Palácio Real apelidam Harry de "O refém"
3 Prefeita recusa fase vermelha e é chamada de 'mau-exemplo'
4 Site esquerdista "ataca" Helio Lopes e Weintraub denuncia
5 Doria dá parte de vizinha que acusou seu filho de fazer festa

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.