Leia também:
X DF: Damares desiste do Senado, e Flávia integra chapa de Ibaneis

Diretor da Caixa é encontrado morto na sede do banco no DF

Corpo foi encontrado na área externa do edifício por vigilantes

Paulo Moura - 20/07/2022 07h48 | atualizado em 21/07/2022 11h49

Sede da Caixa em Brasília Foto: Agência Senado/Leonardo Sá

O diretor de Controles Internos e Integridade da Caixa Econômica, Sérgio Ricardo Faustino Batista, foi achado morto na noite desta terça-feira (19) na sede do banco estatal, em Brasília, no Distrito Federal. O corpo foi encontrado na área externa do edifício por vigilantes e a ocorrência foi registrada pela Polícia Civil. A Polícia Federal foi comunicada sobre o caso.

A morte de Sérgio Batista está sob investigação, mas apurações preliminares indicam tratar-se de suicídio. Funcionário de carreira do banco desde 1989, ele assumiu a Diretoria de Controles Internos e Integridade (DECOI) em março deste ano. Era a diretoria de Sérgio que, por exemplo, acompanhava denúncias feitas por funcionários da instituição.

Na lista de atribuições da DECOI, segundo a Caixa, estavam itens como “aprovar e implantar a Política de Controle Interno, Compliance e Integridade” e “retroalimentar o ecossistema de integridade a partir de informações do canal de denúncias”.

Em virtude disso, a DECOI seria a responsável por apurar casos como as denúncias de assédio sexual feitas recentemente por servidoras do banco contra o ex-presidente da Caixa, Pedro Guimarães. Após o caso ser noticiado por veículos de imprensa, o gestor do banco estatal deixou o cargo. Ele nega as acusações.

Leia também1 EUA: Congressistas democratas são presas em ato pró-aborto
2 Paolla defende urnas eletrônicas e fala em democracia
3 DF: Damares desiste do Senado, e Flávia integra chapa de Ibaneis
4 Casagrande não teria Leifert em time: “Aconteceram coisas”
5 Médico sedou paciente sete vezes durante estupro, diz inquérito

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.