Leia também:
X PF: Organizadora do Miss Goiás é suspeita de aliciar modelos

Delegado: Henry rasgou blusa de babá para fugir de Jairinho

Após o ocorrido, vereador deu R$ 100 à funcionária para ela comprar uma nova blusa

Thamirys Andrade - 04/05/2021 16h57 | atualizado em 04/05/2021 17h31

Menino Henry Borel, morto aos 4 anos em decorrência de 23 lesões Foto: Reprodução

Em seu depoimento à 16ª DP (Barra da Tijuca), Thayná Ferreira, babá de Henry Borel, contou que o menino chegou a rasgar sua blusa, agarrando-se a ela para não entrar no quarto com o padrasto, Dr. Jairinho. Após o ocorrido, o vereador deu dinheiro à funcionária para que ela comprasse uma nova camiseta.

– Ela comentou com o noivo que o menino chegou a rasgar a blusa dela, desesperado para não ir para o quarto com o padrasto. Depois, Jairinho deu uma importância de R$ 100 a ela – contou o delegado Henrique Damasceno, nesta terça-feira (4/5), em coletiva de imprensa na Cidade da Polícia.

Damasceno citou ainda um outro episódio revelado pela babá. Thayná teria percebido que Jairinho tampava a boca de Henry enquanto os dois estavam no quarto, em agressão ocorrida em fevereiro. Ela disse ainda ter ouvido a criança dizer “eu prometo” ao padrasto. Os investigadores acreditam que a fala corresponda a ameaças que teriam sido feitas a Henry caso ele revelasse a violência que sofria à mãe.

– O padrasto se trancou com o menino no quarto. O menino saiu, não se queixou de dores e só veio a se queixar quando, mais tarde, inclusive não quis brincar com outras crianças na brinquedoteca. Nesse primeiro episódio, encontramos conversas entre ela (a babá) e o noivo. Ela dizia que parecia, de dentro do quarto, que o padrasto estava tampando a boca do menino, que dizia “eu prometo”. Foram episódios bastantes sérios – disse o delegado.

Jairo Souza e Monique Medeiros foram indiciados por homicídio duplamente qualificado e tortura, no episódio que culminou na morte de Henry. Monique foi indiciada ainda por omissão, e Jairinho, novamente por tortura em agressão ocorrida no dia 12 de fevereiro.

Leia também1 Novos prints de babá de Henry citam outras agressões à criança
2 Babá disse que mãe de Henry ficava com Jairinho por dinheiro
3 Vereador Jairinho vira réu em caso de tortura contra filha de ex
4 Polícia pede prisão de Monique e Jairinho por homicídio e tortura
5 Monique em carta a Henry: 'Você sabe a mamãe que fui pra ti'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.