Leia também:
X Tribunal Militar solta major que foi preso após elogiar Bolsonaro

Criança de 4 anos é atingida por bala perdida no Rio de Janeiro

Até a madrugada desta quinta-feira, o estado da menina era grave

Pleno.News - 02/06/2022 08h14 | atualizado em 02/06/2022 09h42

Menina foi atingida por bala perdida Foto: Arquivo Pessoal

Uma menina de 4 anos foi ferida na cabeça por uma bala perdida durante operação da Polícia Civil no início da noite desta quarta-feira (1°), em Curicica, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Até a madrugada desta quinta (2), ela estava internada em estado grave no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, Zona Sul carioca.

Segundo a Polícia Civil, agentes da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais (Draco) receberam denúncia de extorsão e foram até Curicica. Os agentes estavam na rua André Rocha, perto do viaduto de acesso à via expressa Transolímpica, quando foram atacados por criminosos e começou um tiroteio.

Na ocorrência, um homem foi preso, e uma pistola e um carro roubado, apreendidos. De acordo com a avó da criança, Elaine Soares, a menina foi baleada quando voltava da escola acompanhada da mãe.

– Ela [a mãe] me disse que foi buscá-la na escola, parou para comprar uma pipoca e estava atravessando a rua para ir pra casa… Quando ela viu, a menina estava cheia de sangue. Ela começou a gritar pedindo ajuda, e a minha neta já estava desacordada – contou Elaine.

Por enquanto, não se sabe quem disparou o tiro que atingiu a criança. Ela inicialmente foi levada para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) da Taquara, na mesma região, onde recebeu o primeiro atendimento. Em seguida, foi transferida para o Hospital Miguel Couto.

*AE

Leia também1 Senado aprova projeto de lei que deve reduzir contas de luz
2 Ataque a tiros em hospital nos EUA deixa quatro mortos
3 Tribunal Militar solta major que foi preso após elogiar Bolsonaro
4 Shakira e Piqué terminam relação após traição, diz jornal
5 Pelé escreve carta a Putin e pede o fim da guerra na Ucrânia

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.