Leia também:
X Hospital no DF é condenado após confundir AVC com embriaguez

Covid-19: Familiares oram de joelhos diante de hospital de SC

"Meu Deus, não nos abandone", pede um dos parentes

Thamirys Andrade - 04/03/2021 13h34 | atualizado em 04/03/2021 15h32

Familiares fazem corrente de oração de joelhos em volta de hospital no Oeste de SC
Taxa de ocupação de leitos de UTI em Santa Catarina é de 96% Foto: Arquivo Pessoal | José Valderi da Silva

Um grupo de familiares de vítimas da Covid-19 reuniu-se de joelhos e mãos estendidas durante corrente de oração ao redor de hospital em Chapecó, Santa Catarina. O vídeo tem circulado nas redes sociais e emocionado internautas em um momento de alta de infecções e mortes no país.

– Meu Deus, não nos abandone – pede uma das pessoas no vídeo, diante do muro da unidade de saúde.

A cena foi registrada no último sábado (27) pelo advogado José Valderi da Silva, que aguardava a saída de sua namorada após uma consulta no local.

– Fiquei muito impactado, sensibilizado. Me deu uma tristeza e fiquei emocionado com o ímpeto de choro, porque dá um desespero na gente. Afinal de contas, sabemos de todo o contexto [que a cidade vive]. Fiquei preocupado. Enviei as imagens para o grupo da minha família, na ideia de conscientizá-los – disse José ao portal G1.

Com 96% dos leitos de UTIs ocupados, o estado de Santa Catarina registrou 688,6 mil casos da doença e 7,6 mil mortes até esta quarta-feira (3). Nas últimas 24h, foram 7,4 mil novas infecções e 94 óbitos.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Pleno.News (@plenonews)

Leia também1 Intubado, cantor Irmão Lázaro passa por intervenções médicas
2 Geraldo Guimarães tem melhora e médicos reduzem sedativos
3 Saúde decide comprar doses das vacinas da Pfizer e da Janssen
4 Butantan entrega mais 900 mil doses de CoronaVac ao governo
5 Covid-19: Brasil já vacinou mais de 7,1 milhões de pessoas

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.