Leia também:
X Após pressão popular, governo do DF afrouxa lockdown

Conselho aprova suspensão de deputado que apalpou colega

Fernando Cury passará 119 dias suspenso e sem receber salário. Punição ainda depende do plenário da Alesp

Henrique Gimenes - 05/03/2021 17h06 | atualizado em 05/03/2021 17h31

Deputado estadual Fernando Cury apalpou lateral do corpo da parlamentar Isa Penna Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira (5), o Conselho de Ética da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) votou e aprovou a suspensão do mandato do deputado Fernando Cury (Cidadania) por um período de quatro meses. Ele respondeu ao processo por apalpar o seio da deputada Isa Penna (PSOL) durante uma sessão na Casa.

Após o episódio, que foi filmado por uma câmera da Alesp, a parlamentar pediu a cassação do mandato de Fernando Cury. Durante análise no Conselho de Ética, no entanto, o relator propôs a suspensão do mandato do deputado por seis meses.

Os deputados do Conselho de Ética então aprovaram a suspensão por 119 dias sem remuneração. Todos os deputados do colegiado votaram pela punição, mas 5 dos 9 parlamentares decidiram aplicar uma punição menor.

O processo agora será enviado ao plenário da Alesp, que pode não ratificar a decisão.

Leia também1 Relator quer suspender mandato de deputado que apalpou colega
2 Entenda o que é o crime de importunação sexual
3 "Foi gentileza", diz deputado que apalpou colega na Alesp
4 Alesp abre processo de cassação de deputado acusado de assédio
5 Juíza suspende processo contra deputado que apalpou colega

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.