Leia também:
X Bolsonaro decide que Pazuello será o ministro efetivo da Saúde

Caso Flordelis: Testemunha diz que ataque a bomba foi “recado”

Bomba caseira foi atirada na casa de uma das testemunhas de acusação

Gabriela Doria - 15/09/2020 07h37 | atualizado em 15/09/2020 09h38

Lucas dos Santos, filho adotivo de Flordelis Foto: Reprodução

Uma testemunha do caso Flordelis revelou ao Ministério Público do Rio de Janeiro que a bomba caseira atirada em sua casa pode ter sido um recado “para calar Lucas”, um dos filhos adotados da deputada federal que está preso acusado de envolvimento na morte do pastor Anderson do Carmo.

Segundo ela, os acusados “estariam tentando passar um recado para Lucas”, para que ele “cale a boca e não mais relate a verdade”.

Regiane Ramos é dona da oficina mecânica em que Lucas trabalhava antes de ser preso. Ela é testemunha de que o rapaz recebeu uma mensagem em seu celular propondo um plano para matar Anderson. Na ocasião, ele chegou a comentar com Regiane sobre o assunto e até encaminhou a mensagem para ela ler.

A mulher afirma não ter dúvidas de que o ataque foi organizado pela família de Flordelis para tentar intimidar Lucas e também a ela. Regiane acredita que isto seria uma forma de evitar que ela deponha em juízo e que Lucas para de acusar Flordelis pelo crime.

Segundo os autos, Regiane e Lucas têm uma relação de afeto maternal e ela o considera como um filho. O próprio Lucas afirmou em depoimento que ela é uma pessoa em quem confiava. Ele também disse que Regiane poderia confirmar à polícia a versão de que ele recebeu a mensagem com a proposta criminosa. Para Regiane, esta informação incomoda a família de Flordelis e pode piorar a situação dos acusados.

AMEAÇA DE ESPANCAMENTO
Regiane revelou à polícia que sofreu ameaças diretas de um dos filhos biológicos de Flordelis, na época em que Lucas foi preso. Segundo ela, Adriano dos Santos Rodrigues a expulsou da varanda da casa da deputada e disse que ela teria que “se virar” com Lucas.

Ela disse também que Adriano afirmou, na ocasião, que iria espancá-la com um cabo de vassoura.

Adriano está preso na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, em Minas Gerais.

Leia também1 Filho de Flordelis passa a andar de carro blindado após ameaças
2 Jojo Todynho diz que Flordelis deu legalidade ao diabo
3 Adriano, filho de Flordelis, tem prisão mantida pela Justiça
4 Outros sete parlamentares já foram acusados de homicídio
5 Flordelis exonera filho que ocupava cargo na Câmara

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.