Leia também:
X Flávio Bolsonaro a Witzel:’ Vá se preocupar em se defender’

Cadeirante mudo assalta loja com arma nos pés. Vídeo!

Rapaz de 19 anos tentou roubar joalheria

Gabriela Doria - 26/05/2020 16h00 | atualizado em 26/05/2020 16h18

Cadeirante mudo tentou assaltar joalheria no Rio Grande do Sul Foto: Reprodução

Um rapaz cadeirante e mudo tentou roubar uma joalheira, nesta segunda-feira (25), na cidade de Canela, no Rio Grande do Sul. Mesmo com as limitações, o jovem de 19 anos ainda conseguiu entregar um bilhete anunciando o assalto e apontar uma arma para o comerciante, tudo com os pés.

O assaltante não tem o movimento dos braços por causa de uma paralisia cerebral.

Antes de anunciar o assalto, o comerciante afirmou que o rapaz recebeu dinheiro de uma pessoa que estava dentro da loja. Ele achou que o jovem estava ali para pedir dinheiro.

– O rapaz veio com a cadeira elétrica e ficou no canto. Uma cliente colocou R$ 5 no bolso dele antes de ir embora. A gente pensou que ele queria doações. Eu também fiquei com pena e dei dinheiro – disse.

Ainda segundo o lojista, o cadeirante esperou cerca de 10 minutos até todos os clientes saírem da joalheria. Ele então entregou uma folha de caderno onde estava escrito “passa tudo, não chama atenção”. Inicialmente, o vendedor achou que se tratava de uma brincadeira.

Bilhete usado para anunciar o assalto Foto: Divulgação/Brigada Militar

– Depois ele puxou a arma com os pés. Aquela pistola parecia de verdade. Um rapaz ali atrás (da loja) viu e ligou para o 190 – disse.

O delegado da cidade, Vladimir Medeiros, abriu inquérito para apurar o caso, mas considera que seria um crime impossível de ser executado, dada as condições do assaltante. Ele foi ouvido pela polícia na presença de um familiar e liberado em seguida.

– Especialmente se considerada a condição física do investigado, inclusive em razão da impossibilidade de fuga – apontou.

Já nas redes sociais, o cadeirante se gabou do crime e disse que faz parte da facção Os Manos, que atua na região do Vale dos Sinos, no Rio Grande do Sul.

View this post on Instagram

Um rapaz cadeirante e mudo tentou roubar uma joalheira, nesta segunda-feira (25), na cidade de Canela, no Rio Grande do Sul. Mesmo com as limitações, o jovem de 19 anos ainda conseguiu entregar um bilhete anunciando o assalto e apontar uma arma para o comerciante, tudo com os pés. A Brigada Militar foi acionada e levou o cadeirante pra a delegacia. Ele prestou depoimento com a ajuda de um familiar e foi liberado. Saiba mais em nosso site (link na bio @plenonews) e nos stories. #RS #Canela #Assalto #AssaltanteMudo #Violencia #Crime

A post shared by Pleno.News (@plenonews) on

Embora o rapaz não tenha antecedentes criminais, uma apuração da polícia mostrou que ele tem um irmão gêmeo, sem deficiência física, que está na cadeia acusado de assassinato e de tentativa de homicídio.

Leia também1 Rede Globo diz que Bonner está sofrendo intimidação
2 Mulher é presa após confessar que matou o filho de 11 anos
3 Pedófilo que abusou de alunas prefere ser castrado a preso
4 Comerciantes protestam pela volta do comércio em Belém
5 Shoppings estimam 120 mil demissões diante da crise

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.