Leia também:
X PM é preso saindo de favela do RJ com 14 quilos de crack e pistola

Bolsonaro irá visitar região atingida por enchentes no Acre

Presidente anunciou visita em live na manhã deste domingo (21)

Monique Mello - 21/02/2021 13h36 | atualizado em 21/02/2021 14h09

Bolsonaro se reuniu com Márcio Bittar e Luiz Eduardo Ramos, no Palácio da Alvorada Foto: Reprodução/Facebook

O presidente Jair Bolsonaro anunciou que irá ao Acre na próxima quarta-feira (24). O anúncio foi feito uma durante live transmitida do Palácio da Alvorada, na manhã deste domingo (21).

Na residência oficial, Bolsonaro recebeu o senador Márcio Bittar (MDB-AC) e o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos.

– Dezenas de famílias já estão ilhadas. Cidades como Sena Madureira, Tarauacá, Cruzeiro do Sul, Rio Branco – disse Bittar.

Ao todo, 10 cidades foram afetadas pelas enchentes no estado, com cerca de 130 mil pessoas atingidas pelas cheias dos rios. Como resultado, o evento desencadeou um surto de dengue, que somou-se à crise migratória na fronteira com o Peru e a falta de leitos de UTI para pacientes com Covid-19.

Governo do Acre decretou situação de emrgência devido às cheias dos rios Foto: Reprodução/Secom

– Sabemos dos problemas através do senador Bittar. Estamos agindo e na próxima quarta-feira, se Deus quiser, estaremos no Acre – afirmou Bolsonaro.

O governador do Acre, Gladson Cameli, foi à capital federal na semana passada pedir assistência, após decretar situação de emergência na terça-feira (16). Com o anúncio do presidente, Gladson compartilhou sua satisfação no Twitter.

Entre as medidas que o governo federal deve anunciar para mitigar as enchentes na região está a liberação de R$ 450 milhões para diversos municípios. A lista completa e o total de recursos para cada um deles ainda não foi informada.

 

Leia também1 Prefeito do PT decreta lockdown e provoca caos em Araraquara
2 Caminhoneiros aprovam decisão de Bolsonaro de isentar diesel
3 Nova companhia aérea: Avião da Itapemirim já chegou ao Brasil
4 PM é preso saindo de favela do RJ com 14 quilos de crack e pistola
5 Silva e Luna diz que pretende "ouvir muito" Paulo Guedes

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.