Leia também:
X Relator de PLs de combustíveis confirma votação nesta 4ª feira

Após pedidos, bar desiste de parar de vender estrogonofe

Prato tinha sido removido do cardápio como forma de protesto ao governo da Rússia

Pleno.News - 09/03/2022 11h58 | atualizado em 09/03/2022 12h24

Estrogonofe Foto: Pixabay

O Bar da Dona Onça usou as redes sociais, nesta quarta-feira (9), para informar que continuará vendendo estrogonofe. A decisão ocorre após vários pedidos de clientes.

Na terça-feira (8), o restaurante chegou a divulgar que removeria o prato do cardápio. A ação era em solidariedade à Ucrânia, que foi invadida pela Rússia.

Segundo informações do Estadão, a receita do estrogonofe nasceu na Rússia dos czares, no século 19. De lá para cá, surgiram várias versões – e diferentes histórias de qual seria a receita original. A mais provável é que seria a criação de um cozinheiro francês chamado Charles Briere, que trabalhava para uma família nobre de São Petersburgo, os Stroganoff, que teriam dado origem ao nome do prato.

Ao anunciar o fim do protesto, que durou menos de 24 horas, o Bar da Onça determinou que enviará a renda da venda do prato para o projeto social Pão do Povo da Rua.

O restaurante não foi o único a protestar contra o governo russo. O Levels Lounge Bar, em São Paulo, mudou o nome do drink Moscow mule para Kiev mule. De acordo com a Folha de S. Paulo, a a vodca russa foi substituída pela sueca Absolut.

Leia também1 Em protesto contra a Rússia, bar retira o estrogonofe do cardápio
2 Sem energia, Chernobyl pode emitir radiação para Europa
3 Reino Unido proíbe militares de lutarem na Ucrânia
4 Ucrânia alerta população sobre ameaça de ataque aéreo em Kiev
5 Polônia disponibilizará jatos de combate MiG-29 para os EUA

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.