Leia também:
X Na Câmara, clima esquenta entre líder do PT e aliada de Lira

Abuso: Motorista escolar é preso suspeito de estuprar criança

Caso aconteceu em Goiás

Pleno.News - 06/07/2022 17h43 | atualizado em 06/07/2022 18h03

child-g9958b5df2_1920 urso criança estupro
Abuso: Motorista escolar é preso suspeito de estuprar criança [Imagem Ilustrativa] Foto: Pixabay
Nesta terça-feira (5), um homem foi preso suspeito de estuprar uma criança de 3 anos. Ele trabalha como motorista de um furgão usado para transportar estudantes, em Anápolis, Goiás.

O estupro ocorreu durante um dos trajetos. A polícia Civil disse que a mãe da vítima confrontou o homem, mas foi ameaçada de morte. As informações são do portal G1.

Segundo a delegada Kênia Duarte Segantini, responsável pelo caso, o veículo usado pelo suspeito foi apreendido. Ela contou que o homem foi interrogado e “negou veementemente” ter cometido violência sexual contra a criança. O homem disse ainda que levava cerca de 15 passageiros no furgão. Ele deve responder pelos crimes de estupro de vulnerável e ameaça.

Na investigação, a Polícia Civil descobriu que o crime ocorreu uma vez, quando a criança estava sendo levada para casa. Os investigadores não precisaram a data do estupro, mas a suspeita é de que a criança tenha sido violentada no dia 23 de junho.

De acordo com o que foi registrado na polícia, a mãe disse que sua filha sofreu uma mudança de comportamento e passou a ter acompanhamento psicológico. A assistência recebida ajuda a vítima a contar o que aconteceu.

A delegada revelou que a garotinha tinha pavor do motorista do transporte escolar. Além disso, exames médicos apontaram que a menina pode ter sido vítima de estupro por causa de alterações no hímen.

Leia também1 Homem é preso por estuprar a própria filha e o enteado
2 Homem é preso suspeito de estuprar neta da companheira
3 Mais de 35 mil crianças de até 13 anos foram estupradas em 2021
4 Klara Castanho: Coren-SP apura suposto vazamento de dados
5 Klara Castanho revela que engravidou após estupro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.