Leia também:
X Arthur Lira se pronuncia: A Constituição jamais será rasgada

Caminhoneiros protestam e fecham rodovias em sete estados

Manifestantes estão concentrados desde a manhã desta quarta-feira

Monique Mello - 08/09/2021 14h19 | atualizado em 08/09/2021 18h14

Caminhoneiros paralisaram rodovias Foto: Reprodução/Twitter

Grupos de caminhoneiros bloquearam trechos de rodovias federais em Santa Catarina, Paraná, Espírito Santo, Bahia, Maranhão, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, nesta quarta-feira (8). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), as paralisações atingem ao menos 22 municípios.

A PRF também informou que os manifestantes estão impedindo a passagem apenas de veículos de carga. Veículos de passageiros e de cargas perecíveis estão liberados.

Em Santa Catarina, há bloqueio de caminhões em Garuva, Joinville, Mafra, Santa Cecília, Guaramirim e Campos Novos. No Paraná, há manifestações nas rodovias federais em Paranavaí e em Maringá. No Espírito Santo, caminhoneiros fazem bloqueios em oito cidades.

No Maranhão, os manifestantes fecharam rodovias em Balsas e a pauta seria protesto contra o Supremo Tribunal Federal, segundo informações da PRF no estado. Na Bahia, os protestos ocorrem em dois pontos na BR-242, no Oeste do estado.

De acordo com nota da PRF, “ao todo, foram registradas 56 ocorrências com concentração de populares e tentativas debeladas das mobilizações de bloqueio total ou parcial de rodovias durante as últimas horas”.

De acordo com os caminhoneiros, os protestos são em apoio aos atos que ocorreram nesta terça-feira (7) no país em favor do governo do presidente Jair Bolsonaro, que defenderam pautas como a destituição de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

O Ministério da Infraestrutura (MInfra) informou que os atos não são organizados por qualquer entidade setorial do transporte rodoviário de cargas e que a composição das mobilizações é heterogênea, “não se limitando a demandas ligadas à categoria”. A expectativa da corporação é que tudo seja normalizado até à meia-noite desta quinta-feira (9).

Leia também1 Zé Trovão dá 24h para análise de impeachment de ministros
2 Zé Trovão muda o plano e avisa que não vai mais se entregar
3 Arthur Lira se pronuncia: A Constituição jamais será rasgada
4 Mourão sobre Moraes: "Juiz não pode conduzir inquérito"
5 André Valadão diz que apoia o governo: "Sem dúvida alguma"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.