Leia também:
X Avança na Câmara projeto sobre ensino domiciliar

Bolsonaro: Saúde irá desobrigar uso de máscara por vacinados

Curados da Covid-19 também estariam 'liberados' do acessório

Gabriela Doria - 10/06/2021 19h02 | atualizado em 10/06/2021 19h07

Presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Saúde Marcelo Queiroga Foto: PR/Alan Santos

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, nesta quinta-feira (10), que o ministro da Saúde Marcelo Queiroga aprovou um parecer desobrigando o uso de máscaras para as pessoas que já foram vacinadas contra a Covid-19.

Bolsonaro revelou a mudança durante um evento do Ministério do Turismo.

– Por coincidência, olha a matéria para a imprensa, acabei de conversar com um tal de Queiroga. Ele vai ultimar um parecer visando a desobrigar o uso de máscara por parte daqueles que estejam vacinados ou que já foram contaminados. Para tirar esse símbolo, que obviamente tem sua utilidade, para quem está infectado — disse o presidente.

Bolsonaro não informou quando a nova orientação entrará em vigor. Ainda na cerimônia, ele voltou a criticar as medidas de isolamento social impostas por prefeitos e governadores. Ele também citou uma suposta supernotificação dos casos e mortes por Covid-19 no Brasil.

No evento do Ministério do Turismo, a pasta anunciou medidas para ‘desburocratizar’ a obtenção de licenças junto ao Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), além do lançamento de um portal de investimento para o setor de Turismo.

Leia também1 Reajuste em planos de saúde é maior que o teto da ANS
2 CPI da Pandemia decide pedir condução coercitiva de Wizard
3 STF forma maioria para liberar Copa América no Brasil
4 OMS quer R$ 1,2 bilhão do Brasil para frear pandemia no mundo
5 Alexandre Garcia: Não ir à CPI da Covid é quase uma confissão

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.