Leia também:
X Silvio Santos liga para mãe de Gugu e diz estar “muito triste”

Bolsonaro ironiza ministro da Economia da Argentina

Martin Guzmán foi escolhido pelo novo presidente Alberto Fernández

Gabriela Doria - 07/12/2019 12h17 | atualizado em 07/12/2019 12h36

Jair Bolsonaro ironizou futuro ministro da Economia da Argentina Foto: PR/Alan Santos

O presidente Jair Bolsonaro ironizou a escolha do nome do economista Martin Guzmán para chefiar o ministério da Economia da Argentina. Guzmán foi escolhido pelo presidente eleito Alberto Fernández, que toma posse na próxima terça-feira (10).

O motivo da crítica de Bolsonaro foi porque Guzmán havia recomendado um livro de Laura Carvalho, que foi assessora do PSOL na campanha presidencial de 2018.

– Ministro da Economia da Argentina, Martin Guzmán, recomenda o livro da Laura Carvalho, economista do PSOL na última campanha – escreveu Bolsonaro em seu Twitter, com uma foto da capa do livro Valsa Brasileira.

Em maio, Guzmán exaltou a publicação de Laura Carvalho, a qual classificou como “livraço”.

– Livraço. Economia brasileira e macroeconomia para todos – disse Gúzman.

O livro de Laura Carvalho faz um balanço da economia brasileira durante os governos Lula e Dilma, de 2003 a 2016.

O presidente eleito da Argentina Alberto Fernández toma posse em 10 de dezembro, na próxima terça-feira. O presidente Jair Bolsonaro já declarou que não irá à posse de Fernández.

Leia também1 Evo Morales viaja a Cuba e pode se refugiar na Argentina
2 Bolsonaro: Mercosul não pode aceitar "retrocesso ideológico"
3 Brasil e Argentina assinam acordo para aumentar voos

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.