Bolsonaro diz que continente não quer “mais Venezuelas”

Presidente brasileiro demonstrou apoio líder argentino Mauricio Macri

Pleno.News - 06/06/2019 15h21

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (6), ao lado do líder da Argentina, Mauricio Macri, que toda a América do Sul está preocupada para que não haja “novas Venezuelas” na região, em referência à situação de crise política, econômica e social que assola o país caribenho.

– Devemos nos preocupar e tomar decisões concretas nesse sentido, cada vez mais unindo e somando nossos povos buscando em cada um deles seu potencial, de maneira irmanada, para que o progresso e a paz cada vez mais reinem entre nós – declarou Bolsonaro em pronunciamento à imprensa.

O encontro com Macri, a quem chamou de “irmão”, acontece a menos de cinco meses das eleições presidenciais da Argentina, razão pela qual Bolsonaro pediu que Deus abençoe o povo desse país para que eleja o presidente com “muita responsabilidade e menos emoção”. A fala foi um claro apoio à candidatura do atual governante e contra a ex-presidente Cristina Kirchner.

*Com informações da Agência EFE

LEIA TAMBÉM+ Jair Bolsonaro é recebido por Macri em Buenos Aires
+ Carlos Bolsonaro recebe alta do hospital após ser internado
+ Drogas: Bolsonaro aprova lei de internação involuntária


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo